Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

terça-feira, 1 de abril de 2014

Pressão política de esquerda tenta tirar Rachel Sheherazade do jornalismo do SBT

Roberto Nemanis - Daquidali
MPF aceita denúncia contra SBT e Sheherazade

O procurador-geral da República e chefe do Ministério Público Federal, Rodrigo Janot, aceitou nesta quinta-feira (27) a representação do PC do B contra a apresentadora Rachel Sheherazade pelo crime de incitação ao ódio.

O pedido de investigação havia sido protocolado pela líder do partido na Câmara Jandira Feghali (RJ). O procurador, em audiência realizada ontem, concordou com os argumentos expostos por Jandira e analisará os vídeos de Sheherazade que fazem menção ao episódio “adote um bandido”. 

“A sociedade está cansada da inoperância dos governos e da morosidade do judiciário, sabemos disso. Mas as pessoas não podem se sentir legitimadas por um discurso neofascista e sair por aí julgando e executando outros cidadãos. E no geral, os executados em sua maioria são os mais pobres e negros. Isso vai contra o mais básico e precioso de nossa democracia”, argumentou a deputada.

Janot concordou com o argumento de Feghali: “Não se pode pregar contra o Estado democrático. Isso é muito sério. Vamos agilizar o caso junto do sub-procurador responsável pela representação”, afirmou.

Suspensão de verba 

O governo federal, também a partir de um pedido de Jandira, estuda suspender a verba que repassa ao SBT por conta do vídeo em que Rachel Sheherazade defende a ação de justiceiros que prenderam um adolescente ao poste no Rio de Janeiro. Ano passado, a emissora faturou R$ 153,5 milhões em verba publicitária do governo federal. A equipe do ministro Thomas Traumann, da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, confirmou que está estudando o caso.

Fonte: Pragmatismo Político via Plantão Brasil 
__________

Opinião Belverede

A ausência da jornalista Rachel Sheherazade na bancada do SBT Brasil nos últimos dias têm frustrado os telespectadores, que se perguntam a razão dela não estar mais lá. Entendo que a falta dela coloca o programa na vala comum de outros programas medíocres, que simplesmente repassam notícias mornas ou requentadas, sob medida ao que o governo filtra e aceita que seja dito, quase uma propaganda política extra-oficial. Triste, SBT!

Não queremos um Brasil com governantes admiradores e imitadores dos ditadores de Cuba e Venezuela. O brasileiro ama a liberdade democrática.

Esse episódio traz uma lição importante sobre o voto. É preciso ir às urnas e lá depositar um manifesto silencioso, retirando da política as pessoas que desejam calar o direito de opinar. Gente do PT, PSOL e PC do B devem receber o recado que nós brasileiros não estamos nem um pouco contentes com as atuações deles, ferindo o direito democrático de ouvir a ideia do outro.

E.A.G.

2 comentários:

Bruh Vieira disse...

Cadê a liberdade de expressão?

NORBERTO MATTOS disse...

Ola . é um prazer estar aqui comentando, mas em falando de política eu tenho certeza que ela esta falando a verdade, nesse país de corruptos em que tudo se pode fazer , e nós não podemos falar nada, ela tem que continuar, cade a democracia??? Parece mais uma ditadura disfarçada, até onde vamos parar com essa pouca vergonha?? Ela esta corretíssima e aprovo o que ela fala...

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.