Objetivo

Este site tem a finalidade de, com toda a simplicidade das pombas, prudentemente, mostrar o que o crente em Jesus espera. Reflexão. Informação. Opinião. Fotografia. Troca de ideias. Blog idealizado por Eliseu Antonio Gomes. Criado em 12 de junho de 2007.

Select the language

Arquivo | 13 anos de postagens

Pesquisar este blog

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Definição do ignorante religioso

Por Eliseu Antonio Gomes

"O que despreza a palavra perecerá, mas o que teme o mandamento será galardoado" - Provérbios 13.13. 

Atribui-se a Marc Bloch, historiador francês, a seguinte frase:

"A incompreensão do presente nasce fatalmente da ignorância do passado. Mas talvez não seja mais útil esforçarmo-nos por compreender o passado se nada sabemos do presente". 

Sem endossar o pensamento de Bloch, lembro que ignorância é a ação de ignorar. No contexto social da atualidade, o termo "ignorante" é usando para aqueles que possuem pavio curto e ignoram o diálogo e a paciência, preferem a contenda sem pensar em usar diplomacia.

"Ignorância opõe-se a sapiência. Sapiência é sabedoria", lembrou-me um amigo com toda razão. É necessário ponderar sobre a diferença entre inteligência (capacidade do aprendizado rápido e fácil) e sabedoria (o estoque de conhecimento adquirido). 

O apóstolo Tiago (1.5-6) escreveu que todo aquele que quiser ser sábio tem a possibilidade de receber a sabedoria divina, se orar com fé pedindo-a ao Senhor. Deus dá a sabedoria a quem pedir, disponibiliza as informações necessárias aos que desejam. 

Leia a Bíblia Sagrada de maneira devocional e também sistemática, medite no conteúdo bíblico. No meu modo de entender, os piores ignorantes são os que desprezam a Palavra de Deus. O indivíduo às vezes sabe superficialmente sobre  conteúdo bíblico e como aplicá-lo, mas não tem disposição para aumentar seu saber e não o aplica ao seu modo de viver.  

Tudo o que Deus quer de nós está escrito nas Escrituras Sagradas. Levanto a questão da interpretação deste trecho bíblico. Não é correto pensar que a sabedoria divina (estoque do saber) é dada de repente. Tcham, durmo e acordo sabendo tudo? Não é assim.  É preciso estudar. Precisamos pôr a inteligência em ação. Para ser sábio sobre as coisas do Senhor, precisamos fazer a nossa parte, usar a inteligência dada a todos os seres humanos de maneira inerente.

Um comentário:

Albervan disse...

Irmão Eliseu, ótimo dia!
Concordo com a explanação que você fez e ainda costumo refinar mais o conceito de sabedoria. Costumo dizer que existe a "Inteligencia", o "Conhecimento" e a "Sabedoria", onde:
- Inteligencia é a habilidade e disponibilidade de adquirir novos conhecimentos;
- Conhecimento é tudo que aprendemos e guardamos em nossa mente (o estoque que você mencionou);
- E Sabedoria é quando conseguimos aplicar (praticar) o conhecimento que temos no nosso dia-a-dia de forma ativa e que edifica!