Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Falsos pastores ou pastores irredutivelmente equivocados?

Infelizmente, passam-se horas, dias, meses, anos e décadas e este recado continua bastante necessário.

A melhor definição que eu tenho para pessoas que se comportam como falsos pastores, ou pastores equivocados, são as figuras de enfermeiras e babás pegas no flagra maltratando o idoso e o bebê, apesar de sua função ser o de prezar pelo máximo cuidado delas, conforme pede, espera e remunera seus patrões. Elas são assalariadas para fazer o bem, porém, são incapazes de fazê-lo naturalmente. Hoje em dia câmeras escondidas cumprem o papel de ótimos vigilantes. As imagens revelam o caráter de quem vive de fachada. Então, é muito comum os programas jornalísticos mostrarem cenas de maus tratos cometidos contra seres indefesos por estes falsos profissionais. O que vemos é sempre revoltante.

O pastor se referindo a ele mesmo: "Eu sou ungido, ai dos que tocarem neste ungido do Senhor!"

Geralmente pastores que soltam pérolas assim são "hitlerzinhos", uns déspostas, e se consideram acima das críticas.

Como lidar com pastores equivocados ou falsos pastores?

De acordo com Jesus, todo pastor é chamado para servir, ser o menor entre todos na igreja. Esta foi a definição feita por Cristo quando os discípulos brigavam entre si tentando fazer prevalecer a ideia geral de qual deles era o maior, o mais importante entre os doze da turma que andava com o Mestre (Mateus 18.1-7).

Diante disso, ao líder evangélico que se comporta de maneira autoritária, como se fosse o maioral dentro da congregação cristã evangélica, só resta dizer-lhe: converta-se!

E, é necessário lançar um alerta para as ovelhas do Senhor que estiverem sendo humilhadas por eles. É preciso dizer-lhes: vocês são ovelhas de Jesus e não de um ser humano; fechem suas carteiras de dinheiro, parem de manter financeiramente o ministério de quem é déspota, vão ofertar e dizimar em outro templo, onde quem agora pisa em vocês não tem nenhum controle e autoridade. Vão em paz, porque vocês são livres e merecem fazer parte de um ministério onde o líder, que se apresenta como pastor, conheça e viva o real sentido da palavra ministro cristão.

O ministro cristão, que usa a distinção de pastor, mas não expressa amor divino aos membros da congregação que administra, representa as pessoas que o apóstolo João classificou de anticristos (1ª João 2.18), pois esperamos vê-los trabalhando para Cristo mas eles fazem o contrário, maltratam o rebanho de Cristo. Isto é revoltante.

A finalidade espiritual da função pastoral é, de todas as maneiras possíveis e necessárias, saber e estar sempre disposto a cuidar muito bem dos cristãos, é sempre estar em prontidão para alimentar as ovelhas do Senhor Jesus.

No Novo Testamento, passagem bíblica no Evangelho escrito por João, 21.15-17, encontramos a lição do significado da função pastoral:

"E, depois de terem jantado, disse Jesus a Simão Pedro:

- Simão, filho de Jonas, amas-me mais do que estes?

E ele respondeu:

- Sim, Senhor, tu sabes que te amo.

Disse-lhe:

- Apascenta os meus cordeiros.

Tornou a dizer-lhe segunda vez:

- Simão, filho de Jonas, amas-me?

Disse-lhe:

- Sim, Senhor, tu sabes que te amo.

Disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas.

Disse-lhe terceira vez:

- Simão, filho de Jonas, amas-me?

Simão entristeceu-se por lhe ter dito terceira vez: Amas-me? E disse-lhe:

- Senhor, tu sabes tudo; tu sabes que eu te amo.

Jesus disse-lhe:

- Apascenta as minhas ovelhas".

E.A.G.

Artigo relacionado: leia um texto que alude a João 21.25-17. Você me ama?
__________

Texto republicado com atualização. A primeira postagem se encontra no dia 27 de janeiro de 2010. O artigo pode ser copiado, desde que citado o nome do autor e o HTML (link) do blog Belverede.

3 comentários:

Anônimo disse...

Que matéria edificante!!!Deus continue lhe abençoando. Que blog maravilhoso!!!

cristina disse...

Essa matéria descreve exatamente o q está acontecendo na igreja a qual faço parte, exatamente assim, sem tirar nem pôr.É uma triste realidade....Meu esposo e eu ficamos impressionados com toda matéria,pq estamos vivendo isso....Q o Senhor continue lhe abençoando grandemente ....

Eliseu Antonio Gomes disse...

Caro (a) Internauta Anônimo.

A ideia ao escrever este blog é exatamente esta: abençoar vidas.

Ore por este blog, sem Cristo nada posso fazer.

Abraço.

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.