Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

terça-feira, 29 de julho de 2014

A embriaguez e a sedução da beleza e gosto do vinho


"Para quem são os ais? Para quem os pesares? Para quem as pelejas? Para quem as queixas? Para quem as feridas sem causa? E para quem os olhos vermelhos? Para os que se demoram perto do vinho, para os que andam buscando vinho misturado. Não olhes para o vinho quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente. No fim, picará como a cobra, e como o basilisco morderá" - Provérbios 23.29-32.

Entre os muitos conselhos sábios que existem no Livro de Provérbios, encontramos a advertência sobre a embriaguez, o que nos leva a saber que problemas gerados pelo alcoolismo não é um fenômeno apenas da cultura dos tempos atuais. O texto bíblico mostra que já era situação recorrente no antigo Oriente Médio. Os mesmos sintomas que se vêem hoje em uma pessoa alcoólatra, são apresentados na página da Bíblia: brigas, rixas, feridas por motivos banais, queixas, saúde arruinada, perda de controle da própria vida, pesares, olhos vermelhos.

O escritor apresenta o exemplo de um bêbado, que ingere o vinho misturado com outras especiarias ou drogas. O conselho é para guardar-se da sedução da beleza e do gosto do vinho, pois o que parece extremamente apreciável no início ao final se mostrará igual a consequência, quase sempre fatal, do ataque do basilisco e da víbora.

Outras advertências sobre o perigo da embriaguez em Provérbios de Salomão: 20.1; 21.17; 23.20, 21; 23.30-35; 31.4-7.

As referências apontam às bebidas alcoólicas, mas podemos aplicar o mesmo princípio a todas as demais drogas da atualidade chamadas lícidas ou não, como o fumo à base de nicotina e de maconha por exemplo. Assim como era no passado, hoje em dia há muitas pessoas presas ao vício que ainda não se deram conta da situação que se encontram. Ingerem em excesso refrigerantes, estimulantes, suplementos. Sem orientação médica, muitos indivíduos fazem uso de maneira desregrada de analgésicos, xaropes e remédios em geral. Todos esses produtos agem como as sagazes serpentes, que se espreitam e atacam de surpresa envenenando suas vítimas, para segui-las cambaleantes e trêmulas até que caiam e morram, para depois devorá-las. 

E.A.G.

Nenhum comentário:

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.