Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

domingo, 9 de dezembro de 2012

André Baliera vítima de homofobia?


Antes de tudo, é preciso deixar claro que todo tipo de agressão é digna de repreensão, seja ela fruto de homofobia ou não.

Eu vejo parte da Imprensa tomar partido em casos de agressões contra homossexuais, parecendo ter a autoridade de bater o martelo do tribunal e sentenciar acusados como culpados de agressividade movida por homofobia. É preciso paciência, deixar os promotores e advogados trabalharem e o juiz dar a sentença. Dizer antes da hora certa que suspeitos são culpados, e a Justiça apontar depois que não são, gera o descrédito do jornalista que assim procede, além de dar brecha para processos legais por calúnia e difamação.

Quando e onde aconteceu o caso?

André Cardoso Gomes Baliera, universitário de 27 anos, estudante na Faculdade do Largo São Francisco, por volta de 19 horas de segunda-feira de 3 de Dezembro, voltava a pé para sua residência pela rua Henrique Schaumann, perto da rua Teodoro Sampaio, na região de Pinheiros, zona oeste de São Paulo, quando encontrou dois homens em um automóvel e houve o desentendimento entre eles. Os agressores foram detidos pela Polícia Militar e indiciados por tentativa de homicídio qualificado. 

A apuração da PM no momento de atendimento à ocorrência 

Segundo as informações da PM, Baliera andava, quando passou a ser xingando por Portieri e Mosca, que estavam em um carro parado no cruzamento das ruas Teodoro Sampaio e Henrique Schaumann. O estudante revidou os insultos e os dois desceram do carro e agrediram Baliera com chutes e socos. Policiais em ronda pela região detiveram os agressores e os levaram para o 91º DP. [1] 

A versão de Baliera 

A vítima afirmou para a polícia que foi xingado de “v*****” e, ao questionar o motivo da ofensa, recebeu diversos golpes na cabeça. [2] 

A versão dos dois acusados de agressão por homofobia 

Segundo Joel Cordaro, advogado dos suspeitos, não houve motivação homofóbica à agressão. E Bruno Portieri (25 anos) e Diego Mosca (26), estão arrependidos pela violência cometida. “O agredido apanhou, apanhou de besta. Se ele tivesse seguido o caminho dele não teria apanhado”, disse Portieri a TV Record, ao deixar a delegacia. [1]

 “A briga começou depois que o carro em que eles estavam parou em cima da faixa de pedestres diante de um sinal vermelho. Baliera atravessou a rua e fez um gesto ofensivo com a mão. ‘Bruno desceu do carro, discutiu, e depois entrou no carro de novo. Então, André pegou uma pedra e atirou contra o carro, mas não atingiu nada’ ”, contou Cordaro ao portal G1. 

 “Depois, os suspeitos teriam encostado o carro em um posto de combustível. Mosca desceu do veículo e foi pedir satisfações para Baliera, que pegou os óculos que o suspeito usava e o quebrou. Segundo Cordaro, a agressão física teria começado logo depois.” 

“Quanto à homofobia, o advogado afirma que não existiu. “A opção sexual [de Baliera] é problema dele. Todos se agrediram. Um mostrou o dedo, o outro xingou, mas não com intenção homofóbica. Se me chamam de ‘v****’, estão apenas me xingando, mas se é um homossexual, já se sente ofendido”, disse o advogado. 

Provável consequência

Os rapazes, acusados de agressão motivada por homofobia, serão processados pela Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania de São Paulo. Em caso de condenação, cada um deles será obrigado a pagar multa que varia de mais de R$ 18 mil a 55 mil. 

________ 

Consultas:
1 – Portal em Pauta - Escrito por Daniela Novais às 21:06:00 de 04/12/2012 http://brasiliaempauta.com.br/artigo/ver/id/1195/nome/Apanhou_de_besta__diz_acusado_de_agredir_estudante_por_homofobia

2 - G1 - 07/12/2012  às 13h40 de 07/12/12 e atualizado na mesma data às 13h50
http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2012/12/suspeitos-de-agredir-gay-em-sp-negam-homofobia-diz-advogado.html

9 comentários:

TKM disse...

Não concordar com a prática de algo é uma coisa ... Partir pra agressão, outra totalmente diferente!

Em meu ponto de vista, o que motivou a agressão foi a falta de respeito e humildade de todos envolvidos!

Motivados pelo Ego, ninguém mais tem a humildade de virar as costas, e se retirar, a fim de evitar uma discussão!

E, coma s leis previstas para aprovação ... Muita gente agora vai aproveitar e fazer um pézinho de meia, acusando outro de preconceito homofóbico, infelizmente!

E, digo infelizmente, pois se faz desnecessária a criminalização da homofobia, pois no Br. preconceito já é crime.

Anônimo disse...

Até quando os brasileiros, nascidos em um estado laico, terão que aguentar as imposições dos grupos e movimentos religiosos? Até quando teremos de viver segundo os conceitos de moral milenarmente ultrapassados desta crentelhada? A cada dia que passa vejo a postura mais agressiva dos evanjegues fazendo prisioneiro o cidadão. Por que as notas do nosso dinheiro têm que receber a frase "Deus seja louvado"? Por que não dão direito de resposta aos numerosos cidadão brasileiros descrentes desta palhaçada de escrever "Deus não existe" do outro? Até quando o aborto da gravidez precoce e de risco será proibido no Brasil, nos afastando do 1° mundo e nos aproximando dos estados fundamentalistas islâmicos? Até quando veremos os crentes lutar para que aqueles que usam a razão serem obrigados a viver segundo as sua moral medieval, imposta por lei!!??? Quem vai ter coragem de dar a cara a tapa e proibir de vez estes alucinados a quem chamamos cristãos (por conveniência) de continuar atiçando o ódio da população ainda mais ignorante contra os homossexuais? Essas igrejas imorais, de líderes sedentos pelo dinheiro e poder, que juram falar em nome de deus, que cometem crimes e desrespeitam na cara lavada a diversidade de natureza e opinião do ser humano!! Esse post e este blog são uma tristeza e uma vergonha para um país como o Brasil, que carece de tanta educação e desenvolvimento, mas só encontra ignorância e fundamentalismo religioso na massa de sua população!!!!

Eliseu Antonio Gomes disse...

TKM

Poucos dias atrás, alguém que estimo muito envolveu-se em discussão de trânsito muito parecida com a relatada pelo advogado Joel Cordaro. Ela estava a pé, esperando o farol ficar na cor verde aos pedestres para atravessar sobre a faixa. Quando isso aconteceu, um carro parou sobre a faixa e ela irritou-se e repreendeu asperamente quem dirigia e ouviu impropérios dela também.

Ao saber disso, lamentei. Não pude deixar de dizer que não valia a pena estressar-se com coisas assim.

Abraço.

Eliseu Antonio Gomes disse...

Caro (a) anônimo (a).

”Até quando os brasileiros, nascidos em um estado laico, terão que aguentar as imposições dos grupos e movimentos religiosos? Até quando teremos de viver segundo os conceitos de moral milenarmente ultrapassados desta crentelhada?”

Eu inicio a resposta dizendo que tenho o registro do IP da sua postagem. Seu anonimato é uma venda transparente.

É importante manifestar opinião apresentando identidade, ela agrega valor ao que pensa e emite. A ação em anonimato é semelhante aos documentos sem assinaturas. É preciso assinar para ganhar validade legal.

O Brasil é país laico, porém, não é laicista. Ser laico é manter–se imparcial; ser laicista é tomar posições contrárias às religiões.

”A cada dia que passa vejo a postura mais agressiva dos evanjegues fazendo prisioneiro o cidadão.”

Presos, quem? Você deve ser um ateu e é livre para viver seu ateísmo.

Nós, os cristãos, lutamos pela Democracia, somos favoráveis a condição de Estado Laico (a liberdade de expressão religiosa, sem imposição governamental e até a liberdade para que o cidadão seja descrente).

Olhe-se. Considera que tem liberdade para agredir a fé alheia, sem ater-se que preconceito é crime! Use sua liberdade de expressão com responsabilidade respeitando quem manifeste fé.

”Por que as notas do nosso dinheiro têm que receber a frase "Deus seja louvado"? Por que não dão direito de resposta aos numerosos cidadão (sic) brasileiros descrentes desta palhaçada de escrever "Deus não existe" do outro?”

Sua pergunta parece retórica, mas... Jefferson Aparecido Dias, o procurador regional dos direitos do cidadão, que moveu ação via Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão em São Paulo/ Ministério Público Federal de São Paulo, virou piada nacional, não foi considerado profissional sério ao mover ação solicitando a retirada da frase “Deus seja louvado”. Portanto, acredito que dificilmente essa frase será retirada das nossas cédulas de reais.

”Até quando o aborto da gravidez precoce e de risco será proibido no Brasil, nos afastando do 1° mundo e nos aproximando dos estados fundamentalistas islâmicos? Até quando veremos os crentes lutar para que aqueles que usam a razão serem obrigados a viver segundo as sua moral medieval, imposta por lei!!???”

A Constituição dos Estados Unidos da América do Norte tem sua base na Bíblia Sagrada. Os Estados Unidos é medieval?

”Quem vai ter coragem de dar a cara a tapa e proibir de vez estes alucinados a quem chamamos cristãos (por conveniência) de continuar atiçando o ódio da população ainda mais ignorante contra os homossexuais?

Ao abrir os jornais e encontrar uma notícia de violência contra gays (relembramos que nem todos os casos são motivação homofóbica), não vemos na figura do algoz uma pessoa religiosa (o fundamentalista como gostam de nos classificar os Militantes Gays). Aliás, quem costuma atacar homossexuais também possui o mesmo sentimento negativo contra cidadãos religiosos.

“Essas igrejas imorais, de líderes sedentos pelo dinheiro e poder, que juram falar em nome de deus, que cometem crimes e desrespeitam na cara lavada a diversidade de natureza e opinião do ser humano!! “

Frase preconceituosa. Não emita opinião favorável ou contra pessoas sem antes conhecê-las.

Vá às igrejas e veja as ações sociais que elas fazem.

Eliseu Antonio Gomes disse...

"Esse post e este blog são uma tristeza e uma vergonha para um país como o Brasil, que carece de tanta educação e desenvolvimento, mas só encontra ignorância e fundamentalismo religioso na massa de sua população!!!!"

Releia seu post aqui, tão pequeno e com cinco termos pejorativos, ofensivos: crentalhada; evanjegues; palhaçada; ignorante; alucinado.

Tal qual você, é sempre assim que agem as pessoas que acusam os cristãos de intolerantes, agem com assaz intolerância!

Vigie-se para não se comportar igual papagaio, repetindo frases feitas daquelas pessoas que exercem lideranças por dinheiro na Militância Gay. Digo isso porque as conhecidíssimas frases-frouxas estão na sua redação. Viva sua ideologia, mas usando discursos próprios.

Diante do que considera contratempo, lembre-se que nem sempre os lírios florescem. Não lhe convém fazer desses episódios seu casus belli e nem ab iratu partir à mise en scène no estilo à outrance.

Enfim, não levarei adiante as argumentações aqui apresentadas. Razões? Primeiramente, porque seu ponto de vista está exposto. Em segundo lugar porque são suficientes para nós e os leitores do Belverede. Terceiro motivo: o objetivo do blog não é ser um palanque de debates.

Saúde e paz!

E.A.G.

TKM disse...

Diante de tantos elogios, proferidos pelo Sr Anônimo, sinto -me com direito de resposta:

Esvai-se a tolerância ao cristianismo bíblico. Chegamos novamente ao cúmulo da insubordinação a Deus e Suas tentativas de reabilitar a raça humana. Grande parte dos indivíduos já não suporta que lhes digam que estão em erro e tampouco o que seria melhor fazer, não aceitando a crítica por seus desvios de conduta mesmo quando se queixam dos maus resultados decorrentes. “Opõe-se livremente o tudo que se chama Deus”, com diz em II Tessalonicences 2:4. A intolerância a correção é tão grande, especialmente a proveniente da Bíblia, que a sensibilidade está a flor da pele, tão pulsante que a reação a censura faz-se já violenta e mesmo direitos constitucionais começam a ser suplantados em bem de livrar-se de um inconveniente drama de consciência desencadeado pela repreensão provida por uma exortação bíblica. Quanto mais bíblica a censura, maior é a intolerância a ela. Tanto é que se sistematizaram palavras chave com o fim de inibir o agente repreensivo, mesmo que emitindo a menor censura a um desvio de conduta. Atribuindo ambígua significação a palavras como preconceito, intolerância, discriminação e fundamentalismo, tornou-se crime não concordar com certos comportamentos e mesmo simplesmente emitir opinião contrária a respeito. Esvai-se aí a liberdade de expressão, pois emitir parecer contrário e não aceitar comportamentos inadequados jamais foi preconceito, discriminação e fundamentalismo, pois preconceito, intolerância, discriminação e fundamentalismo é não respeitar a liberdade de expressão e ação das pessoas segundo suas consciências, querendo dizer privá-las de se expressar e agir conforme suas consciências. Ou seja, mesmo quem está errado (embora que do ponto de vista geral) tem o direito de emitir seu parecer e até agir conforme sua consciência, mesmo que a acarretar conseqüências ruins, pois arcará com elas. Ninguém tem o direito de privar alguém desse direito, mas emitir opinião a respeito e tentar advertir a pessoas quanto as consequências indesejáveis de seus atos é exercitar a liberdade de expressão. Entretanto, paradoxalmente, indivíduos não só conquistam nas câmaras legislativas garantias de liberdade de expressar e praticar imoralidade do ponto de vista da maioria, como também garantias de que não serão constrangidos pela objeção e censura daqueles que não concordam com tais práticas. Ou seja, com leis de Estados tais indivíduos começam a privar da liberdade de expressar-se aqueles que não concordam com suas práticas. Assim os que se queixam de sofrer preconceito, intolerância, discriminação e fundamentalismo impõem seu fundamentalismo, intolerância, preconceito e discriminação sobre os que a eles se opõe. Isto é paradoxal. O pior, porém, é que conquista-se o direito de praticar abertamente o que é errado em detrimento do que é certo.

Fontes:http://www.recantodasletras.com.br/mensagensreligiosas/2465275
Wilson do Amaral

TKM disse...

Parece que todos esses indivíduos militam por conquistas efetivas, que imaginam que os fará sentirem-se vitoriosos e certos de terem feito o que melhorará suas vidas e do resto da humanidade. Todavia, embora consigam extinguir a voz da consciência, não alcançarão felicidade e, tampouco, tranqüilidade e certeza, mas estarão sempre em luta com suas dúvidas. Porém, por hora, a medida que se envolvem vão convencendo-se de que são oprimidos e lutam legitimamente por liberdade. Muitos deles estão também convictos de que serão felizes quando aquietarem os reclames da coerência calcando a voz de Deus que recrimina suas práticas abomináveis. E a maioria nem mesmo sentirá remorso pelas tantas acusações falsas, insinuações maldosas, perseguição e mal-tratos que tiverem infringido aos mensageiros de Deus com o fim de impedir seu importuno. A maioria nem mesmo sabe o que fazem e o mais coerente não tem a menor idéia do efeito dessas conquistas, sendo que produzem a deterioração mais efetiva e conseqüente extinção da natureza e da raça humana. E, ao contrário do que pensam e se convencem, nem mesmo são donos de suas iniciativas, tampouco da batalha que imprimem, apenas cumprem os propósitos de agredir ao Criador danificando a humanidade daquele que se opõe a tudo que se chama Deus, primeiro com o propósito de destruir a unidade de pensamento e ação da família, podendo assim destruir os indivíduos e, por fim, a sociedade. E todos eles receberão como pagamento a dor e o sofrimento, pois o inimigo de Deus e dos homens somente retribui bem seus militantes enquanto ativos, descartando com sofrimento e sem a menor dor de consciência aqueles que já não são úteis. Geralmente eles terminam com doenças terríveis, grande e longo sofrimento.
Mas Deus advertiu que tal condição da humanidade precederia os últimos atos antes da volta de Cristo. Por isto disse através do apóstolo Paulo: “Ninguém, de nenhum modo, vos engane, porque isto não acontecerá sem que primeiro venha a apostasia” (que avança rápido) “e seja revelado o homem da iniqüidade, o filho da perdição, o qual se opõe e se levanta contra tudo que se chama Deus ou é objeto de culto, a ponto de assentar-se no santuário de Deus, ostentando-se como se fosse o próprio Deus.” (Homem que será o pontífice máximo do cristianismo ecumênico). “Não vos recordais de que, ainda convosco, eu costumava dizer-vos estas coisas? E, agora, sabeis o que o detém, para que ele seja revelado somente em ocasião própria” (a ocasião atual, a última hora). “Com efeito, o mistério da iniqüidade já opera e aguarda somente que seja afastado aquele que agora o detém” (o Espírito Santo que ainda atua, mas está se afastando desde 11 de setembro de 2001); “então, será, de fato, revelado o iníquo, a quem o Senhor Jesus matará com o sopro de sua boca e o destruirá pela manifestação de sua vinda. Ora, o aparecimento do iníquo é segundo a eficácia de Satanás, com todo poder, e sinais, e prodígios da mentira (os meios de comunicação seculares têm trabalhado nisso), e com todo engano de injustiça (os poderes legislativo, executivo e judiciário dos países estão se ocupando disso) aos que perecem, porque não acolheram o amor da verdade para serem salvos. II Tessalonicences 2:3 a 10.

Fontes:http://www.recantodasletras.com.br/mensagensreligiosas/2465275
Wilson do Amaral.

TKM disse...

Portanto, o verdadeiro cristianismo, o qual prega e pratica a liberdade de consciência e ação conforme a Bíblia, que começou a atuar após a Reforma Protestante depois de quase mil anos perseguido e sufocado, como fez que a humanidade se ocidentalizasse, está agora sendo banido da própria humanidade ocidental, pelo que essa humanidade que veloz se barbariza de novo, irá barbarizando-se até ser comum filhos matarem seus progenitores e vice versa, pois essa humanidade envolta em fábulas e confiando a segurança aos poderes temporais não percebe levantar a fervura do caldeirão. Todavia, quando o Espírito de Deus for extinto de um todo não sobrará um justo, tampouco quem de alguém se compadeça, então as leis, os poderes e as instituições nada mais serão de que covis de assassinos, caluniadores e roubadores, cujo potencial já se percebe muito bem.
Portanto, este é o momento de tomar posição ao lado de Deus, pois os soberbos perecerão, mas aqueles que se firmarem em Cristo e Sua vontade serão resgatados mesmo que tenham morrido e receberão a vida eterna na terra restaurada, onde a contradição nem mesmo será lembrada.

@Esta longa mensagem, que espero que o Sr anônimo, se dê ao Trabalho, de ao menos ler ...

Expressa claramente o que penso, sobre Preconceito e Tolerância!!!

Tal como nos acidentes de trânsito, onde ninguém respeita mais ninguém, e, onde os que estão errados ...são os que mais exigem respeito, e caso contrário, se impõe por força e violência, e não raras vezes pelo poder de armas de fogo, assim também contra os cristãos, pensam que podem emitir toda sorte de impropérios e ofensas, e ainda pensam que estão certos ...

Mas, quando a pessoa passa da argumentação para a ofensa ...
é claro Sinal de que está Apelando ... E, que logicamente, contra a Verdade, não existem Argumentos!!!

Grata!!!

Paz.


Fontes:http://www.recantodasletras.com.br/mensagensreligiosas/2465275
Vilson do Amaral.

Eliseu Antonio Gomes disse...

Cara blogueira TKM

Obrigado por suas participações.

Como já dito por mim acima, não tenho objetivo de promover debates neste blog. A ideia é anunciar a Palavra de Deus aos receptivos, sem ênfase ao denominacionalismo.

Deus te abençoe.

Abraço.

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.