Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Diabetes mal controlada aumenta o risco de problemas nos olhos e pés.

Cuide-se muito bem e cuide muito bem também de seus familiares.
A diabetes é uma doença que atinge cerca de 347 milhões de pessoas, segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Se bem controlada, ela não prejudica a qualidade de vida do paciente, porém, se não houver o controle adequado, o diabético pode ter riscos de problemas na visão, nos pés e também nos rins, nervos e coração, como alertam o endocrinologista Alfredo Halpern e o oftalmologista Emerson Castro.

Em relação à visão, o risco aumenta porque porque a diabetes provoca alterações nos vasos do corpo e, no caso dos vasos dos olhos, que são bem pequenos, pode causar também pequenos furos que dificultam a irrigação de certas áreas, o que leva à retinopatia diabética, uma das principais causas de cegueira.

Essa lesão nos vasos dos olhos pode também causar um derrame de sangue, que provoca manchas prejudiciais à visão. Por isso, o diabético deve fazer exame do fundo do olho, pelo menos, uma vez por ano e precisa também manter a doença bem controlada como uma medida de prevenção. Em alguns casos, esses vasos podem ser "cauterizados" com um tratamento a laser. Nessa situação, a mancha da retinopatia pode melhorar ou simplesmente não evoluir, mas em quadros mais graves, quando o derrame de sengue é muito grande, pode não ter efeito e as pessoa perder a visão.

Pode acontecer ainda de a retina ficar pouco irrigada e ir "morrendo" aos poucos, até a pessoa perder a função do órgão e não enxergar mais. Dadas mostram que diabéticos há 20 anos têm 90% de chance de ter algum grau de retinopatia, no entanto, como lembrou o endocrinologista Alfredo Halpern, esses problemas podem ser evitados e controlados se a diabetes estiver sob controle.

Como prevenção, os médicos alertam que pacientes com diabetes tipo 2 devem fazer acompanhamento com um oftalmologista após 5 anos do descobrimento da doença. Já quem tem diabetes tipo 1 precisa fazer uma consulta assim que for realizado o diagnóstico. Para detectar a retinopatia diabética, o exame feito é o fundo do olho, simples e barato, se diagnosticada, o médico indicará o melhor tratamento e, principalmente, se preocupará em controlar a diabetes. 

No entanto, as complicações são mais comuns nos membros inferiores e, por isso, os pacientes com diabetes descontrolada dever ter uma atenção especial principalmente com os pés, isso porque as lesões que o excesso de açúcar no sangue provocam nos vasos e nervos atrapalham a irrigação e, somadas à falta de sensibilidade, podem levar a quadros mais sérios. Segundo Halpern, qualquer lesão no pé, por exemplo, demora mais para cicatrizar e, por isso, pode se transformar em úlceras, infecções importantes, trombose e, em alguns casos, amputações.

Comentário do Editor do blog: Cuide-se muito bem e cuide muito bem também de seus familiares. Lembre-se de que o nosso corpo é a morada do Espírito Santo. Embora saibamos que Deus é misericordioso e realiza milagres em nós, através da autoridade que há no uso do nome de Jesus Cristo, ninguém precisa desprezar os recursos da medicina. Porém, ao recorrer aos médicos não permita que sua fé esfrie, continue a orar e buscar a providência sobrenatural. Quando o crente adoece e o médico diagnostica a enfermidade, se ele é curado por meio de sua fé, terá prova incontestável de que o Senhor agiu em sua vida e assim será capaz de testemunhar a todos sobre a ocorrência da intervenção divina sobre si.

E.A.G.

Fonte: Boas Novas, ano 1, nº 3, novembro de 2013, página 10, Cidadania (Assembleia de Deus Várzea Paulista) www . advarzea . com . br 

Nenhum comentário:

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.