Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

domingo, 11 de dezembro de 2016

Elegância versus vulgaridade - A importância da escolha da veste feminina ao ir ao templo adorar a Deus


Ninguém deveria se superior porque possui beleza física. O bonitinho e a bonitinha não são responsáveis pela beleza que têm, o crédito é todo do Criador.
Igreja mística e igreja local.

A verdadeira igreja é a concentração de crentes reunidos com o propósito de adorar ao Senhor. Porém, ninguém pode deixar de considerar o aspecto espiritual e ao mesmo tempo físico desta questão "templo" e "igreja". O Criador nos fez seres com um espírito e uma alma dentro de uma matéria composta de massa física. Nas linhas abaixo, passamos a tratar os termos templo e igreja no aspecto físico, o prédio erigido com tijolos ou outra espécie de material.

Comentando sobre as vestes femininas na igreja.

O assunto é polêmico e recorreente, bastante abordado em redes sociais. Rende muitos comentários de reclamações, em defesa e contra as mulheres indiscretas em seu estilo de vestir-se.


Há considerável busca de usuários do Google e similares sobre esta pauta em suas pesquisas, então, embora não me sinta confortável para realizar nova abordagem deste tema, eis-me aqui outra vez para trazer a questão de usos e costumes entre os religiosos.

Percebo que poucas vezes este assunto é tocado por pastores em palestras do culto de ensino.

O propósito do culto.

Existe muita gente envolvida em cultos sem a menor consciência da importância de render culto ao Senhor. Abordamos o traje feminino, porém existe outras situações que jamais deveriam acontecer enquanto o culto se desenvolve: movimentação de pessoas, conversas paralelas. De um lado, estão aquelas pessoas muito bem trajadas e comportadas (o que nem sempre significa que o que se passa em seu interior é o que vemos no seu exterior; às vezes quem procede de modo admirável possui podridão em sua alma). Do outro lado, gente cuja presença se faz inconveniente devido ao procedimento no local, desviando para si mesmas a atenção que todos deveriam dirigir para Deus em gratidão, louvores e orações.

Ao vestir-se e ir à Casa de Deus é importante usar o discernimento sobre o propósito da reunião entre os irmãos. Ao pisar no recinto, é necessário respeitar a liturgia, apresentar postura respeitosa diante do Pai e da irmandade. Por quê? Porque no momento do culto, a única Pessoa que deve receber a atenção é Deus.

Um dos princípios basilares à vivência em comunidade é que cada um deve tomar conta de sua vida, desde que as suas ações, enquanto parte do meio coletivo em que se insere, não incomode o outro, desde que aquilo que faz e fala não represente quebra de regras e da ética adotada pelo grupo.

Deus quer o coração.

É claro. Deus olha para o nosso coração. Algumas pessoas, diante do assunto sobre a espécie de vestimenta da mulher, dizem "Deus não olha para o que a gente veste, o importante é o nosso coração". Consideremos isso com mais profundidade. Se o procedimento da pessoa não é algo forçado por outra, o jeito dela agir e se vestir é um reflexo do que existe dentro do coração. Acreditar e dizer amar a Deus é uma coisa, obedecê-lo e procurar agradá-lo em tudo, é outra. As nossas decisões e tomadas de ações mostram a diferença de quem realmente ama e de quem só diz amar, porque o lado exterior, através de ações e palavras proferidas, revela o interior do coração.

Também, é preciso considerar que, por "coração" podemos entender "intenção". Qual é a intenção de uma mulher que se veste com roupas apertadas? Exibir detalhadamente seu corpo. Qual é o motivo para sua exibição? Primeiro, penso eu, ela sente orgulho de sua beleza; segundo, penso eu, ela quer ser admirada; terceiro, penso eu, não deve se importar se a exposição de seu corpo provoca tropeços na vida dos irmãos na congregação em que ela frequenta.

Devemos tratar de modo diferenciado a mulher que é parte do roll de membros da igreja e a outra mulher que é apenas uma visitante, porque as situações de ambas são diferentes. Se a pessoa que visita vem ao culto trajando peças de roupas curtas e apertadas, oremos por ela. A crítica a quem visita à Casa do Senhor não precisa ser tão rígida quanto a crítica dirigida para a pessoa que é conhecedora do Evangelho de Cristo. 

Usando o bom senso ao escolher as peças de roupa que irá vestir.

A figura da foto, que ilustra esta postagem, não está em um ambiente de igreja, não se vestiu assim para ir ao culto. Concordo com a crítica de alguns, que afirmam que "a igreja não é açougue, não é lugar para expor o corpo".

Vestir com decência ou com vulgaridade, revela se o coração é dado à elegência ou vulgar. Alguém que tem seu coração cheio de sensualidade, demonstrará isso em modos apelativos à sensualidade, o que remete para a ausência de santidade na sua vida de cristão ou cristã.

Ninguém deveria se superior porque possui beleza física. O bonitinho e a bonitinha não são responsáveis pela beleza que têm, o crédito é todo do Criador.

Conclusão.

Ninguém deveria se sentir superior porque possui beleza física. O bonitinho e a bonitinha não são responsáveis pela beleza que têm, o crédito é todo do Criador.

Jamais será correto defender a nossa opinião, o modo de viver, colocando o que acreditamos ser correto acima da posição bíblica a respeito do assunto. Agir assim demonstra o quanto o indivíduo está longe de Deus, o quanto necessita aproximar-se dEle para receber a instrução do Espírito Santo. É importante estar próximo de Deus, evitar servi-lo apenas de lábios e passar a servi-lo com atitudes coerentes a quem se propõe ser cristão ou cristã.

Deus nos orienta em tudo que precisamos, para que cresçamos na fé. Não tem como afirmar que uma pessoa, tanto homem quanto mulher, que se veste e se comporta irresponsavelmente, de qualquer maneira, ao estar em ambiente de culto com os irmãos, tem de fato Deus como guia e Senhor.

É possível uma mulher usar roupas decentes sem esconder sua beleza física, usar vestes que faça com que se sinta bem consigo mesma e bem no meio social que frequenta, sem precisar apelar para a indiscrição vulgar.

E.A.G.

Artigo pautado a partir de post em Geração em Cristo (https : // goo . gl / iqdMoz)
Elegancia-versus-vulgaridade-A-importancia-da-escolha-da-veste-feminina-decente-ao-ir-ao-templo-adorar-a-Deus-roupas-escandalosas-vulgar-discreta-ecente

Nenhum comentário:

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.