Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Quando manter as aparências custa caro


Injustamente, dão ao pavão a reputação de ser uma ave vaidosa  e exibida.
Dão ao pavão a reputação de ser uma ave vaidosa
 e exibida. Será que ele é?

Recentemente, assisti em um telejornal uma notícia interessante sobre uma pesquisa. A apuração feita era sobre os hábitos com o uso de dinheiro pela população da América Latina. O resultado apontava que o povo latino é composto de gente exageradamente gastadora, consumidora de muitas coisas supérfluas.

A produção da reportagem colocou um sociólogo para falar algo a respeito, ele concordou, fazendo o comentário que está no parágrafo abaixo.

"Nem sempre ter muitas coisas significa que a pessoa está indo bem na vida. Muitas vezes ter o celular moderno, ter o tênis de marca mais caro da loja, ter muitas roupas de grifes famosas para vestir, apenas significa que a pessoa sente necessidade de ostentar, porque só ostentando ela sente ser alguém. Em muitos casos, possuir e desfilar com o que tem (para que todos a vejam usando) é um sinal amarelo de alerta ligado, porque ela gasta muito mais do que pode gastar, não sabe poupar, o cartão de crédito vive estourando e as dívidas a perseguem feito uma bola de neve" - Infelizmente, não anotei o nome do sociólogo.

Conheci gente parecida com o comportamento descrito acima. Eu me recordo que, em determinada ocasião, sem querer, descobri que ela dirigia um belo carro novo usando sapato com a sola furada.

É atribuída autoria ao Pastor Claudio Duarte o seguinte conselho: "Não sinta vergonha de usar aparelho celular que não é de última geração, não ter um automóvel novo, precisar repetir roupas porque não possui muitas peças em seu armário. A vergonha que precisamos ter é viver de aparências, tentar passar aos outros a imagem de quem você não é."

E.A.G.

Nenhum comentário:

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.