Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Juiz Sérgio Moro, delegados da PF e procuradores pedem apoio de brasileiros para darem prosseguimento às investigações da Lava Jato e Zelotes



Juiz Sérgio Moro, delegados da Polícia Federal e procuradores pedem apoio ao honesto povo brasileiro em favor da continuidade da operação Lava Jato e repúdio contra a prática de corrupção política no Brasil.

Projeto de lei é do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), presidente do Senado.

Com a mudança lei de abuso de autoridade (PLS 280/2016), as operações de confronto à corrupção, como a Zelotes e Lava Jato, podem ser prejudicadas, conforme declara a Associação dos Juízes Federais do Brasil (AJUFE). Segundo a entidade, diversos itens do projeto de lei do Senado Federal proporcionam a probabilidade de punição ao juiz pela circunstância de interpretar a lei, chegando ao ponto de criminalizar o trabalho judicial. De acordo com a AJUFE, o projeto tem a finalidade de intimidar juízes, desembargadores, ministros e outras autoridades na aplicação da lei penal, principalmente em casos de corrupção envolvendo a classe política, ocupantes de cargos públicos e empresários.

 "Se esse projeto for aprovado, haverá um efetivo risco às investigações. E eu não digo aqui sobre a Operação Lava Jato, porque isso transcende em muito a Operação Lava Jato. Isso diz respeito à independência da magistratura, isso é válido para toda e qualquer investigação, presente ou futura", afirmou Moro em discurso na tarde desta quinta-feira (28 de julho) em frente à sede da Justiça Federal de Curitiba contra o projeto que altera a lei de abuso de autoridade. [ 1 ]

Manifestação nacional dia 4 de Dezembro

"De repente a gente tem a sensação de que as coisas estão indo pelo ralo. Tantos meses de espera, tantas marchas e panfletagens, a crença de que o Brasil poderia sair da lama da corrupção e aí parece que as coisas avançam. Chegamos ao fundo do poço, mas começamos a voltar. A Operação Lava Jato começou a prender poderosos antes intocáveis. Finalmente, ocorreu o Impeachment. Ficamos todos na expectativa de que avançasse. Mas de repente o Legislativo - sujo, corrupto e cínico - na figura do senador Renan Calheiros, resolve dar fim a todo e qualquer processo que melhore o país. Com a cumplicidade do Executivo e, quem sabe, do Judiciário, desfigura o projeto das Dez Medidas Contra a Corrupção e atira no coração da Lava Jato com projetos de leis que, na prática, inviabilizam a continuidade da Operação. E o povo? Revoltado, desgastado e aviltado, o povo gostaria de ver Renan Calheiros na prisão. Mas, no momento, só nos resta ir às ruas de cada cidade brasileira dias 4 de Dezembro e colocar para fora nossa sede de justiça" - Blogueira Maya Felix em sua rede social, 24/11/16.

Concluindo

Não deixe de falar sobre isso. No ambiente de trabalho, da igreja, na roda de amizades, em casa - até mesmo com seus filhos adolescentes, que já possuem o direito de votar. A conscientização política precisa fazer parte do senso comum. Quando as pragas chegam à lavoura, se o agricultor resignar-se a apenas queixar-se, todo o campo plantado será destruído. Como eleitores, precisamos extirpar o ataque da peste chamada corrupção, para que o Brasil frutifique a atinja toda a potencialidade que ele tem para produzir os bons frutos de honestidade e senso de justiça. O produto exterminador deste mal é, agora, mostrar para a classe política a nossa indignação, e no período eleitoral renovar a turma de senadores e deputados federais fichas-sujas.

Causa em todos que são gente decente um sentimento de repugnância saber que senadores, cujos nomes estão envolvidos em "ações irregulares", todos muito bem remunerados e gozando de muitas regalias às custas de nossos impostos, usam a autoridade da gestão parlamentar legislando em causa própria. Os atos de Calheiros e sua tropa aliada, são dignos de repúdio total. A movimentação deles, com a intenção de safar-se das guarras da lei, tentando adulterar essas leis que os condenam, não são aceitas pelo povo brasileiro. Os eleitores de Alagoas devem ao Brasil o afastamento de Calheiros da vida pública, que no próximo pleito eleitoral os alagoanos o lancem no limbo do esquecimento.

E.A.G.

Nenhum comentário:

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.