Select the language

Research | Pesquisar artigos de Belverede

sábado, 31 de janeiro de 2015

Não tomarás o nome do Senhor em vão

No Antigo Testamento, o nome não era empregado para simplesmente distinguir as pessoas. Eles eram colocados pelos pais com o objetivo de revelar alguma característica física ou do caráter da pessoa. Tomemos como exemplo o caso de Esaú e Jacó. Esaú significa cabeludo e Jacó suplantador (Gênesis 25.24-26).

Deus revelou Seu nome a Moisés: "E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: EU SOU me enviou a vós. [...] O Senhor Deus de vossos pais, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó, me enviou a vós; este é meu nome eternamente, e este é meu memorial de geração em geração" - Êxodo 3:14-15.

O nome de Deus, EU SOU O QUE SOU, além de ser revelador é uma frase sugestiva ao Ser que é o Criador. Não se trata "simplesmente ser" no sentido filosófico da palavra, mas de um Ser vivo e em atividade permanente de santidade. A revelação do nome, não é apenas uma verdade teológica, mas é um apelo à resposta de fé; "Sede santos porque eu sou santo" - 1 Pedro 1.16.

As revelações da identidade de Deus nos faz saber que Ele é santo e deve ser reverenciado pelo homem como Ele é. Na Bíblia, os nomes de Deus não são apenas uma identificação pessoal, mas são inerentes à sua natureza e revelam suas obras e atributos, apontam ao poder e a glória do Deus Todo-Poderoso.

Será que o terceiro mandamento se refere a apenas controlar a nossa língua para não misturarmos o nome em expressões banais?

Faraó fazia tudo em nome de seu deus. Muitos eram os deuses do Egito: deuses Rá, Osiris, Amon, Serápis, etc. O rei se declarava o dono da terra, das suas colheitas, e em nome desses falsos deuses ele se via o dono do povo egipciano. Havia guerras, atrocidades em nome dessas supostas divindades. A religião idólatra encombria às maldades, perversidades, mentiras, escravidão. Tudo era legitimado pelos nomes dos falsos deuses cultuados. O povo israelita não deveria imitar Faraó.

Quando acontece de se tomar o nome de Deus em vão?

• Ao fazer falsas promessas, ou juramentos, usando seu nome (Levíticos 19. 12; Mateus 5.33-37);
• Ao amaldiçoar a Deus (Êxodo 20.7);
• Ao mentir em nome de Deus;
• Ao usar o nome de Deus em conversas tolas, misturado com palavrões.

Além disso, não devemos tomar o nome de Deus em vão através de atos impensados. O Criador não está interessado que o Seu nome seja usado para legitimar interesses humanos, mas que seja usado para que se realize Sua vontade, perpetuadas em ações de amor, justiça e misericordia.

De maneira sistemática, líderes judaicos usaram o nome do Senhor em vão ao colocar sobre o povo uma carga insuportável que nem eles mesmos conseguiam carregar. Nos dias atuais, em nome de uma identidade denominacional, alguns líderes evangélicos ousam exigir do povo cristão práticas de usos e costumes que não fazem parte da doutrina do Evangelho do Senhor. E dessa forma eles banalizam o nome de Jesus, misturando a Palavra de Deus com palavras frívolas criadas por homens.

Deus se apresenta ao seu povo mediante vários nomes, que revelam seus atributos. Portanto, o cristão deve interessar-se em saber qual é a vontade de Deus para sua vida, agir conforme a vontade divina e jamais tentar legitimar o pecado usando o nome do Senhor em vão. Então, "segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor" (Hebreus 12.14).

E.A.G.

Compilações:
Ensinador Cristão, ano 16, nº 61, páginas 32 e 38 , jan/fev/mar 2015, Rio de Janeiro (CPAD).
Êxodo, Introdução e Comentário, R. Allan Cole, página 67, reimpressão 2011, São Paulo (Vida Nova).
Os Dez Mandamentos - Valores Divinos para uma Sociedade em Constante Mudança, Esequias Soares, 1ª edição outubro de 2014, página 50, Rio de Janeiro (CPAD). 

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

O cristão evangélico na academia de ginástica

Ao observar o que acontece nos grandes centros urbanos do Brasil, percebemos que existe exagero quanto aos cuidados com a imagem da estrutura física. Pessoas passam horas se exercitando numa espécie de culto ao próprio corpo. Não é papel exclusivo do povo brasileiro praticar exercício físico com a finalidade de melhorar a estética, ao redor do mundo toda cultura valoriza a imagem pessoal, ainda que de maneiras distintas.

O cristão evangélico pode frequentar academia de ginástica? Alguns perguntam se a pessoa cristã pode ser frequentadora desses lugares. Ao crente maduro na fé, essa pergunta é desnecessária e considerada desgastante.  Mas, de tempos em tempos tal interrogação sempre vem à tona, é realizada com interesse sincero por crentes novos convertidos.

Não podemos desmerecer ninguém, nem os que são favoráveis ao uso da academia e nem aqueles que são contra. Seja qual for sua opinião sobre o assunto, deve possuir respaldo bíblico.

Ter uma bela aparência, estar bem cuidado e saudável é uma situação ótima, todavia, o que mais importa não é se estamos gordo ou magro, fransino ou musculoso, pois o que há de maior valor é o que mantemos em nosso coração (Salmo 119.11; Mateus 15.11).

Crentes contrários  

Indivíduos com a mente fechada, sendo homem ou mulher, dizem que é pecado frequentar a academia, usam o texto bíblico de 1 Timóteo 4.7-8: "Exercita-te a ti mesmo em piedade; porque o exercício corporal para pouco aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, tendo a promessa da vida presente e da que há de vir." 

Com este argumento, afirmam que o frequentador de academia seria alguém com os pés já no inferno, pois  frequentá-la seria uma espécie de supervalorização da imagem, alimentação da vaidade. Mas se esquecem que as Escrituras nos informam que tudo (repito: tudo) é vaidade. Está  escrito em Eclesiastes 1.2: "Vaidade de vaidades, diz o pregador, vaidade de vaidades! Tudo é vaidade." Ou seja, tanto a opção de recusa quanto a de frequentar a academia ambas são escolhas vaidosas.

Exercício da piedade e exercício físico

"O exercício corporal para pouco se aproveita." Pouco" não é o mesmo que nada, e não é reprovação. O texto bíblico compara o exercício da piedade com o exercício físico. Logicamente a atividade física vale menos. Contudo não há censura em nenhum lugar da Bíblia quanto aos cuidados com o corpo.

Piedade, em grego é "eusebeia", tem a conotação de reverência e respeito a Deus tanto em palavras quanto em ações. Portanto, a atitude mais relevante na vida do cristão é o cuidado com as coisas espirituais e não a dedicação em cuidar de sua parte física.

Crentes favoráveis

Os cristãos que não se deixam prender ao núcleo mais conservador da religião cristã afirmam que não é pecado frequentar uma academia. Usando o texto de 1 Coríntios 3.17, argumentam que o corpo humano é o templo do Espírito Santo e que o cristão deve conservá-lo em boa forma, sempre da melhor maneira possível.

Eles dizem: "Quem quiser ir, que vá, pois tem mais é que se cuidar: ir ao spa para realizar reeducação alimentar; praticar natação, exercitar-se em hidroginástica, etc. Mas quem não quiser que não vá. Porém, qualquer que seja a  decisão que seja feita com moderação."

Saúde

Não podemos julgar um pelos outros. Cada qual sabe o que está enfrentando em questões de saúde.

Precisamos cuidar do corpo. Conheço algumas pessoas que passaram a frequentar academias por orientação médica, com a finalidade de mudar a postura e livrarem-se de dores na região da coluna. Situação assim merece ser bem aproveitada. Quem não frequenta deveria pelo menos caminhar três vezes por semana. Jesus e seus discípulos faziam exercícios todos os dias ao caminharem levando a mensagem das Boas Novas de salvação pelos vales e montanhas de Israel.

O hábito de frequentar academia é bom. O cuidado com o corpo por motivos de saúde não é coisa do mundo pós-moderno, é possível constatar vários indícios de atividades físicas regulares nas sociedades antigas.

Pode ou não pode?

O cristão pode tudo, porque todas as coisas são lícitas. Mas o cristão precisa priorizar o que edifica e não se deixar dominar por nada, evitar ser pedra de tropeço na vida do próximo pelo seu modo de viver. Ver: Romanos 14.22-23; 1 Coríntios 6,12; 10,23.

Conclusão

Quem pensa ser necessário alimentar a vaidade ao extremo, deve vigiar, pois pode cair no engano do Maligno.

Considero gente fora da realidade quem segue exageradamente uma moda, porque mais cedo ou mais tarde será abandonado por ela, pois todas as modas são temporais. Provavelmente, daqui uns anos essas pessoas, modeladas em máquinas de academia de ginástica, terão vergonha de mostrar suas imagens em fotos e vídeos, considerarão no futuro o registro do estilo de vida que levam agora imagens que devem esconder e esquecer.

Sinceramente, não considero corpos modelados em malhações de academias os mais bonitos. Mas respeito quem se sinta melhor torneando as linhas de seu corpo.

E.A.G.

Artigo publicado a partir de uma participação em debate sobre o assunto no grupo Assembleia de Deus Tradicional em 30 de janeiro de 2015 - https://www.facebook.com/groups/adtradicional/

Idolatria evangélica



Está escrito na primeira carta de João, capítulo 5 e versículo 21: "Filhinhos, guardai-vos dos ídolos...".

Então, abre-se espaço às perguntas:

1. É possivel que exista idolatria no meio evangélico? 

É lamentável dizer que existem muitos evangélicos idólatras,  é o que mais existe. Por idolatria, entenda-se tudo e todos que ocupam no coração da pessoa o lugar que pertence a Deus.

Basta ir num show gospel para constatar que algumas pessoas no meio cristão demonstram uma espécie de afeto que beira à histeria. Parecem adorar a criatura ao invés de adorarem ao Criador.

2. Quais seriam essas idolatrias?

A idolatria é um sentimento arraigado nas profundezas do coração. É importante deixar claro que existe muita confusão neste assunto. Muitas pessoas confundem o fato de honrar com idolatrar, admirar com idolatrar. É possível prestar honra e admiração sem praticar idolatria, é muito.dificil olhar para alguém e dizer se presta honra, admiração ou idolatria no primeiro lance de observação.

A idolatria do evangélico não é a idolatria que usa como objeto as esculturas da igreja romana. O que é? Em muitos casos é o dinheiro - a avareza é idolatria -, o carro zero km, o orgulho pela denominação evangélica que frequenta,  o marido ou a esposa, os filhos, a residência...

Há quem prefira agradar mais ao gosto do cônjuge e filhos do que cumprir a vontade de Deus, Há quem prefira romper laços de afeto com pessoas por causa de dinheiro e coisas, ignorando ao mandamento de amar o próximo como a si mesmo.

Entre as maiores idolatrias acredito que esteja o Poder Político, Pregadores e Cantores famosos, ministérios e/ou denominação, profetas (ou profeteiros). Idolatra-se gente como se fossem semi deuses, troca-se o sacrifício de Jesus por amuletos, água "ungida" roupas e afins.

Aparentemente outros ainda adoram anjos.

3. O que fazer para combatê-la?

"Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça; para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra" - 2 Timóteo 3.16-17.

Através do conhecimento das Escrituras Sagradas e a aplicação de seu ensino é possível  livrar-se da idolatria.

E.A.G.

Artigo publicado a partir de uma participação em debate sobre o assunto no grupo Assembleia de Deus Tradicional em 30 de janeiro de 2015 - https://www.facebook.com/groups/adtradicional/ 

Trinta provas científicas da existência de Deus

Por Gesiel Oliveira

Sou pastor evangélico e conclui três faculdades: Geografia , Direito e Teologia, duas delas em uma Universidade Federal (Direito e Geografia). Mergulhei no conhecimento das teorias e teses filosóficas, científicas e antropológicas ao longo desses quase 14 anos de estudo. Conheci os principais postulados e paradigmas científicos, e concluí que a ciência está engatinhando no que se refere as três grandes questões da humanidade: 1) quem somos, 2) de onde viemos e 3) para onde vamos. Para comprovar isso, e cientificamente comprovar aos incrédulos e céticos que Deus existe, resolvi relacionar alguns argumentos fáticos/científicos desse Criador, mesmo que Ele não esteja ao alcance da nossa tangibilidade humana.

1. Tudo que existe em nosso mundo tem causa.

2. Partindo dessa premissa, inferimos que o universo tem uma causa.

3. Nada no nosso espaço pode ser causa de si mesmo.

4. O universo não pode ser causa de si mesmo (portanto, a teoria do Big Bang cai por terra aqui).

5. Algo fora do universo o criou.

6. Deus é a única coisa que está fora do universo. 

7. Deus causou o universo, e o próprio homem ainda não conseguiu sequer explicar a origem de si próprio (pois a ciência nunca encontrou o elo perdido entre os primeiros seres humanos e os primatas), comprovando que a teoria da Evolução de Charles Darwin é inconclusa e carregada de imprecisões não comprovadas pela própria ciência. O homem também não conseguiu até hoje explicar o que são os "buracos negros", nem o que é a “matéria escura” que compõe 23% e a “energia escura” que compõem 73% do que se pode ver com o alcance dos telescópios e que compõem o universo, nem qual a sua estrutura, massa exata e forma. 

8. Deus existe, pois o homem tentando compreender o incompreensível complexidade da criação, criou a teoria do "big bang", e não a conseguiu explicar satisfatoriamente. Os frágeis e parcos argumentos dizem que houve uma grande explosão de um átomo primordial infinitesimal que teria originado tudo aquilo que compõe o universo atual de forma involuntária. Mas em todo processo físico/científico há uma sequência de causa e efeitos de estados. Um estado precedente é uma causa para outro estado que é seu efeito. E nesta teoria não há sequer uma lei física que sustente quais seriam essas causas e efeitos. 

9. Sempre que existem coisas que se combinam de forma coerente apenas por causa de um propósito ou função (por exemplo, todas as complicadas partes de um relógio que lhe permitem marcar o tempo), sabemos que houve um projetista, alguém que projetou com a função predeterminada e planejada em mente; são coisas improváveis demais para terem surgido por processos físicos aleatórios ou por obra do acaso (pois um furacão soprando através de uma loja de peças não conseguiria montar um relógio, assim como a explosão do Big Bang não poderia aleatoriamente criar formas complexas).

10. Os órgãos complexos dos seres vivos não existem e funcionam de forma aleatória, como o olho, o cérebro e o coração, mas se mantêm coesos apenas por terem uma função organizada e predeterminada (o olho tem a córnea, lente, retina, e assim por diante, que se encontram no mesmo órgão apenas porque em conjunto possibilitam que o animal veja).

11. Esses órgãos precisam ter um projetista que os desenhou e os planejou com sua função em mente: assim como um relógio implica um relojoeiro, o órgãos complexos do ser humano implicam um perfeito criador.

12. Essas coisas não tiveram um projetista humano, limitado ao uso de somente 10% da capacidade de seu cérebro (como são os seres humanos). Há uma limitação mental imposta pelo seu criador, pois não podemos usar toda a capacidade dos outros 90% do nosso cérebro, e isso não foi feito de forma aleatória e involuntária como querem acreditar os céticos.

13. Portanto, essas coisas devem ter tido um projetista não humano, e que está cima do homem.

14. Deus é o projetista não humano da complexidade do Universo.

15. Deus existe. A Lua está a 384 mil Km da terra, e se estivesse na metade dessa distancia o efeito gravitacional faria com que as marés inundassem e cobrissem o Planeta Terra duas vezes por dia. A distância, clima, rotação da terra e temperatura não estão em equilíbrio por obra do acaso. A Distância da Terra, que é o 3º. Planeta em relação ao Sol, não está ali por acaso, pois estivesse mais próxima estaríamos torrados (mercúrio), e se estivéssemos mais longe (plutão) estaríamos congelados. Veja o diâmetro da Terra (12.742 km), se fosse do Tamanho de Júpiter, você morreria esmagado pelo empuxo da força gravitacional sobre o teu corpo. Dificilmente haveria vida na Terra. Deus criou e estabeleceu as normas e leis da natureza. Se a Terra tivesse a metade do seu atual tamanho, você teria 1/10 do seu atual peso, e daria um salto aqui, e cairia a 20 metros de distância, pois a força do empuxo gravitacional seria muito baixa em relação ao seu peso. Você acha que isso é obra do acaso ou do aleatório?

16. O Big Bang, de acordo com a melhor opinião científica de nossos dias, foi... [siga lendo na fonte: Blog do Pr. Dr. Gesiel Oliveira].

E.A.G.

Versículos bíblicos em que medito ao perceber que preciso mudar atitudes

Por George R. Foster

"Qualquer, pois, que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e assim ensinar aos homens, será chamado o menor no reino dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no reino dos céus" -  Mateus 5.19.


Bem-aventurados os humildes de espírito
Aqueles que sabem que são fracos, indignos e dependem de Deus em tudo o que fazem, "porque deles é o reino dos céus". Mateus 5.3.

Bem-aventurados os que choram
Aqueles que estão tristes por causa de suas atitudes erradas, reconhecem suas falhas e arrependem-se dos seus pecados, "porque serão consolados". Mateus 5.4. 

Bem-aventurados os mansos.
Aqueles que confiam no Senhor o bastante para descansar nele e ser benignos com os outros, "porque herdarão a terra". Mateus 5.5.

Bem-aventurados os que têm fome e sede...
... de ter um coração e uma vida justa e não abrem mão da santidade, "porque serão fartos". Mateus 5.6.

Bem aventurados os misericordiosos.
Aqueles que perdoam aos ofensores, são bondosos com os que sofrem estendem a mão aos necessitados, "porque alcançam misericórdia". Mateus 5.7.

Bem-aventurados os limpos de coração
Aqueles que amam o que Deus ama, abominam o que Deus abomina e fogem do mal, "porque verão a Deus". Mateus 5.8.

Bem-aventurados os pacificadores.
Aqueles que buscam reconciliação, restauram relacionamentos e solucionam conflitos, "porque serão chamados filhos de Deus. Mateus 5.9.

Bem-aventurados os perseguidos
Aqueles que assumem uma posição impopular por causa de Deus e da sua justiça, "porque deles é o reino dos céus". Mateus 5.10-11. 

Vós sois o sal da terra.
Não perca seu sabor carcterístico. Mateus 5.13.

Vós sois a luz do mundo.
Deixe sua luz brilhar, praticando boas obras para a glória de Deus. Mateus 5.14-16. 

Ouviste que foi dito: Não matarás.
Jesus disse: não se ire "para que você não seja julgado". Mateus 5.21-26.

Ouviste que foi dito: Não adulterarás.
Jesus disse: não olhe para uma mulher com intenção impura. Mateus 5.27-30.

Ouviste que foi dito: Não jurarás falso.
Jesus disse: não jure de forma alguma. O correto é dizer simplesmente sim ou não. Mateus 5.33-37.

Ouviste que foi dito: Amarás o teu próximo e odiará o teu inimigo. Mateus 5.44-48.
Jesus disse: ame os seus inimigos.

Quando deres esmola...
... não toque trombeta diante de si, faça-o em secreto, e seu Pai o recompensará. Mateus 6.1-4.

Quando orares...
... vá para um lugar retirado, sozinho. Seu Pai o recompensará. Mateus 6.5-15.

Quando jejuares...
... não vos mostreis contristados. Apresente-se da melhor maneira possível. Assim, seu Pai o recompensará. Mateus 6.16-18.

Extraído da revista Mensagem da Cruz, nº 117, página 32, março abril de 1998. Publicado no Belverede de maneira adaptada.

Dieta, fome, gula e vaidade

Enquanto uma parte do mundo passa fome, outra faz dieta pensando em melhorar a estética.


quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Por que quem frequenta uma igreja fica mais tempo casado?

O ditado popular apregoa: Quem entra na chuva é para se
molhar.
Por Heather Hale 
Traduzido e adaptado por Stael Pedrosa Metzger

É um ditado popular, "o casal que ora unido permanece unido". Mas será que é verdade? Pesquisas mostram que os casais que partilham a mesma filiação religiosa e participam de atividades de promoção da fé juntos têm taxas de divórcio mais baixas. A taxa de divórcio nos Estados Unidos para a população em geral é atualmente de cerca de 40 por cento, depois de permanecer mais alta na década de 1980; no entanto, um estudo de 2006 entre cristãos americanos mostrou que a taxa média de divórcios entre os cristãos ativos foi menor, geralmente entre 21 e 34 por cento, dependendo da denominação. O mesmo estudo também descobriu que a taxa de divórcio para casais judeus era em torno de 30 por cento. 

É inegável que a religião desempenha um papel importante na manutenção do casamento, por isso, a pergunta é: por quê? Por que fiéis têm casamentos mais bem-sucedidos? Aqui estão quatro razões possíveis.

1. A tríade - marido, esposa e Deus

Em relacionamentos religiosos saudáveis, os casais permitem que Deus seja parceiro em seus casamentos. Esta responsabilidade para com Deus dá aos casais uma maior sensação de que sua união é divinamente ordenada. Ela também fornece uma parte externa adequada para alívio quando os tempos ficam difíceis - o que inevitavelmente atua sobre a extensão de um casamento.

Quando os casais oram sobre decisões que impactam suas famílias e seu futuro, isso traz certa pressão além dos dois se considerarem o conselho de Deus. Em vez de um dos cônjuges levar todo o crédito ou toda a culpa por uma escolha de vida, ambos os cônjuges podem ter a certeza que eles estão fazendo a vontade de Deus e não apenas defendendo seus próprios desejos.

2. Tempo e interesses compartilhados

Casais que passam muito tempo juntos em interesses compartilhados são mais felizes em seus casamentos, e este tempo que passam juntos pode incluir atividades religiosas. O estudo das escrituras, a oração e a frequencia à Igreja como casal são atividades de unificação, dando a ambos os cônjuges um senso de propósito e direção compartilhada.

Também ajuda o fato de que quase todos os casais religiosos veem a atividade religiosa como pró-social. Como um casal, despender tempo em melhorar a si mesmo e sua comunidade contribui para sentirem-se melhores em seu relacionamento.

3. Acesso a suporte emocional

Muitas igrejas oferecem aconselhamento pré-marital e marital para os fiéis, o que é importante para o sucesso conjugal. Aconselhamento antes do casamento permite que casais entrem em sua união com os olhos abertos e com planos sólidos para a vida conjugal. As causas mais comuns para o divórcio, como finanças e educação dos filhos, recebem atenção e acordos antes mesmo de dizerem o "sim".

Além disso, quando tempos difíceis vêm, o acesso ao aconselhamento matrimonial com membros do clero qualificados pode significar a diferença entre permanecer ou dissolver o relacionamento. Mesmo as influências menos religiosas formais, tais como ver modelos positivos e ter um círculo social contrário ao divórcio, muitas vezes influencia os casais a seguirem adiante durante as dificuldades.

4. Aceitação dos desafios da vida

O centro do maior dogma religioso é a crença de que o sofrimento é um caminho para o fortalecimento pessoal. Muitas pessoas religiosas veem as provações não como uma catástrofe, mas sim como uma oportunidade de crescimento. Com esta visão de mundo, muitos casais religiosos estão dispostos a trabalhar com os seus problemas e manter sua felicidade pessoal ao invés de divorciarem-se.

Como a maioria das tradições bíblicas ensina que a mortalidade é um tempo de provação, os casais religiosos estão aceitando as colisões ocasionais na estrada e dispostos a trabalhar em direção a soluções. Esta visão de longo prazo do casamento dá aos casais esperança em um futuro melhor para si e para a sua relação.

Seja qual for seu motivo para praticar a religião com o seu cônjuge, sei que é uma poderosa ferramenta para o fortalecimento e manutenção de seu casamento. Confiar em seus líderes religiosos em tempos de dificuldades permite a participação ativa de Deus em seu relacionamento e mantém vocês no caminho da felicidade conjugal.

Fonte: Family Share (http://familyshare.com) via Família.Com.Br (http://familia.com.br/) 
A autora edita o blog Moderately Crunchy - http://www.moderatelycrunchy.com/
Artigo publicado originalmente como Why Churchgoers Stay Married Longer.
Tamise - Canal Blog - http://tamise.canalblog.com/

A nevasca em Cape Cod, Massachusetts - registros de um amigo que mora lá

Evaldo Vieira é pastor da Assembly of God Brasilian Christian Church e foi obrigado, por precaução, a desmarcar reunião de culto por causa do volume de neve que caiu na região de Cape Cod.

Seus comentários e imagens

"Fui abrir a porta da garagem olha que estava em nossa frente.... Nevou muito aqui no Cape Cod. Agora é limpar para sair"




video

"Era tudo que elas queriam ... muitaaaaaa neve."

Fonte:
Brazilian Christian Church - https://www.facebook.com/brazilianchristian.church.9
Evaldo e Débora - https://www.facebook.com/evaldoedebora.vieira?fref=ts 

Os crimes das beijoqueiras lésbicas em culto religioso repercute

Joana Palhares Pereira e Yunka Mihura querem ganhar dinheiro com o ato desrespeitoso que cometeram durante o evento Glorifica Litoral, realizado em 2013 em São Sebstião, cujo palestrante da noite era o Pr. Marco Feliciciano, que como Deputado Federal, deu-lhes voz de prisão e elas foram imediatamente detidas pela guarda municipal.

As garotas querem lucrar alto com tamanha falta de respeito cometida contra a fé alheia de 15 mil cristãos evangélicos presentes no local e milhares que professam a mesma religião e estão espalhados aos milheres em todo o Brasil e diversas partes do mundo: pedem dois milhões de reais.

Assista ao vídeo com a análise de Rachel Sheherazade em matéria para a rádio Jovem Pan.

video


Postagem paralela postada aqui no Belverede quando o fato aconteceu: Marco Feliciano mostra vídeo do beijo das lésbicas no Glorifica Litoral

Rachel Sheherazade é a entrevistada de Ratinho no quadro Dois Dedos de Prosa desta quinta, 22 de janeiro


Nesta quinta, 29 de janeiro, o apresentador Carlos Massa, popularmente chamado de Ratinho, conversa ao vivo com a jornalista Rachel Sheherazade no quadro Dois Dedos de Prosa, no SBT. Com certeza essa será uma das melhores atrações do fim de noite aos telespectadores brasileiros, que poderão assistir ao programa em imagem de alta definição (HD). Horário: 22 horas.

Com Rachel Sheherazade, Programa do Ratinho registra 9.3 de média e 12 de pico, e o SBT conquistou excelente desempenho em audiência na quinta-feira, dia 29 de janeiro. Ao receber a jornalista Rachel Sheherazade no quadro "Dois Dedos de Prosa", o programa registrou 9.3 pontos de média e 12 de pico, puxando toda a grade a seguir, em especial o humorístico A Praça é Nossa, que também foi muito bem e conquistou a liderança por um bom tempo, marcou 9,5 pontos de média e superou a série da concorrente Rede Record, que registrou 6,3 pontos, segundo números divulgados pela Spokesman/IBOPE.

E.A.G.

Atualização 31/01/15.

domingo, 25 de janeiro de 2015

Quando o lobo está entre as ovelhas - charge


Quando o lobo entra no meio de cristãos, o cristão fiel tem condições para não ser não enganado.

 "Amados, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo" - 1 João 4.1.

"Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido" - 1 Coríntios 2.15.

Quando, sorrateiramente, o inimigo entra no círculo cristão, o crente disciplicente é facilmente manipulado e cai em suas armadilhas, deixa de amar o próximo para tentar conquistar interesses próprios.

"Aquele que diz estar na luz, e aborrece a seu irmão, até agora está nas trevas. Aquele que ama a seu irmão, permanece na luz, e não há nele motivo de tropeço; mas aquele que aborrece a seu irmão, anda nas trevas, e não sabe para onde vai, porque as trevas lhe cegaram os olhos" - 1 João 2.9-11.

E.A.G.

Escolha amizades corretamente

Por Bob e Debby Gass

"Como o ferro com ferro se aguça, assim o homem afia o rosto do seu amigo" -  Provérbios 27.17.

O escritor Charlie Jones certa vez disse o seguinte: "Em cinco anos você será  mesma pessoa que é hoje, exceto se se associar aos livros de que ler e pessoas com quem conviver"

Quando se trata de escolher os amigos, o Dr. Charles Townsend diz procurar:

1. As pessoas influenciam outras a ser como Deus planejou que elas fossem.

Os relacionamentos são as ferramentas que Deus usa para fazer isso. Quando você convive muito tempo com alguém, pergunte-se: "Será que eu posso aprovar quem eu sou quando estou com esta pessoa? Eu sou melhor, honesto e tratável? Ou eu não aceitar meus modos? Escolha estar perto de pessoas capazes de inspirar coisas boas em você.

2. As pessoas alegres, que enchem  vida de graça

Quando você está desanimado, precisa ser reabastecido física, espiritual e em seus relacionamentos. Então, deixe-se envolver com pessoas que vão ouvir, incentivar e estar ao seu lado ao precisar de ânimo.

3. As pessoas que lhe permitem ser quem você é.

"Em todo o tempo ama o amigo e para a hora da angústia nasce o irmão" - Provérbios 17.17.

Os melhores relacionamentos são aqueles em que você tem certeza que é amado, é uma situação normal sentir-se livre para agir sem fazer cerimônias quando reconhecemos alguém como um amigo, é natural sentir-se confortável para abrir o coração e desabafar sobre fases difíceis da vida e receber apoio e aconselhamento.

4. As pessoas que impulsionam a crescer na fé.

Você precisa de amigos que o incentivam a orar, ler a Bíblia e ajudá-lo a olhar o que há de mais importante na vida.  Efésios 4.16 aborda sobre o funcionamento do corpo humano. Todas as partes do corpo estão unidas e realizam ações em conjunto. Cada parte faz o seu próprio trabalho para ajudar todo o corpo a crescer e ser forte. Então não tente viver só. Estenda a sua mão e faça boas amizades com gente em sua volta. 

Alimente sua alma lendo: Gênesis, capítulos 20 a 23; Salmos 118. 10-18; Provérbios 31.10-13; João 14.1-14.

Fonte: 4 CM Magazine - http://fourcm.com/choose-the-right-friends-1/

Julgando mal

Animal híbrido: cão e lobo.
O leitor talvez conheça a história do caçador nas florestas geladas do extremo norte das Américas, o qual perdera a esposa e era obrigado, enquanto saía para vistoriar suas armadilhas, a deixar a criancinha aos cuidados de seu cão, um animal mestiço com lobo.

Certo dia de tempestade, ao chegar, encontrou aberta a porta da choça e o berço vazio. Havia manchas de sangue. De debaixo da cama saiu o cão todo ensanguentado. Em sua angústia, o caçador concluiu imediatamente que a  natureza de lobo do cachorro havia predominado: a criança fora morta e devorada pelo seu próprio guarda.

Agarrando o machado, partiu a cabeça do animal. Após desferir o golpe fatal, virou-se e encontrou no canto da cabana, enorme lobo, morto. E instantes depois, debaixo da cama a criança viva e ilesa. Era fácil então reconstruir os verdadeiros fatos, porém era tarde: o amigo guardião fora mal julgado e, com demasiada precipitação, assassinado sem nenhuma piedade.

Talvez seja este apenas um caso lendário daquelas terras inóspitas. O que é certo, porém, é que fatos igualmente trágicos têm ocorrido muitas vezes na vida. Muitas pessoas têm sido julgadas antes de bem verificados todos os detalhes do caso e, ainda que não tenham sido mortas a machadadas, têm sido feridas por línguas descontroladas. E o sofrimento resultante pode ser tão grande quanto a morte.

Que direito tem os crentes de julgar uns aos outros?

Oremos, pedindo ao Senhor para nos ajudar a ser um cristão fiel ao julgar a nós mesmos, pois no autojulgamento estamos de posse dos fatos, e assim não teremos tanta pressa para julgar o semelhante, pois nesta situação não estamos a par de toda a informação. E ainda que soubéssemos toda a verdade, a justiça sempre deverá ser acompanhada do amor.

Autor desconhecido

Extraído de maneira adaptada da revista Mensagem da Cruz, nº 117, página 21, março/abril de 1998

sábado, 24 de janeiro de 2015

Quero descer - Nani Azevedo ao vivo

video

Site oficial: www.naniazevedo.com 

Fiel a mim - Nani Azevedo ao vivo

video

Site oficial: www.naniazevedo.com.br
Fonte: Assembleia de Deus - Pirituba

Espírito adorador - Nani Azevedo ao vivo

video

Site oficial: www.naniazevedo.com.br
Fonte: Assembleia de Deus - Pirituba

A última palavra - Nani Azevedo ao vivo

video


Site oficial: www.naniazevedo.com.br
Fonte: Assembleia de Deus - Pirituba

As famílias e a providência divina

"Não se vendem dois passarinhos por um ceitil? e nenhum deles cairá em terra sem a vontade de vosso Pai. E até mesmo os cabelos da vossa cabeça estão todos contados. Não temais, pois; mais valeis vós do que muitos passarinhos" - Mateus 10.29-31.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Raridade - Anderson Freire ao vivo na Globo

video

"Porque para Deus somos o bom perfume de Cristo, nos que se salvam e nos que se perdem. Para estes certamente cheiro de morte para morte; mas para aqueles cheiro de vida para vida" - 2 Coríntios 2.15-16.

Fonte; G Show - Encontro com Fátima Bernardes via Joceir Moura

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Patricia Abravanel e a descontração do pai famoso em ritmo de férias

Patricia Abravanel, filha do dono da emissora SBT e apresentador de TV, postou uma foto dele e a seguinte frase:

"Socorro!! Para completar o "look" tradicional de férias do meu pai, (camisa florida com shorts xadrez), olha as meias que a Rebeca deu!! #ninguémmerece #curtindoasferias #naotánemaí "

Nesta data, a página da Patricia no Instagram aponta que ela possui 670.456 seguidores; 1.020 postagens e que está seguindo 1.047 usuários da rede social. O post em questão, tem reverberação no Websta, conta com 30.384 corações (apreciações) e 4.284 comentários bem humorados.

Fonte:
http://instagram.com/patriciaabravanel/?modal=true"
http://websta.me/n/patriciaabravanel

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

A nobreza dos crentes de Beréia e a truculência dos judeus de Tessalônica

Como cristão, ninguém deve ser apressado para concluir o pensamento em assuntos complicados, aliás, em nenhum assunto. Nenhum cristão deveria aceitar formadores de opinião aqui deste mundo, todos deveríamos conferir sempre se a opinião do próximo e a própria opinião está de acordo com a Palavra de Deus.

Como ser nobre como os crentes de Beréia?

O breve comentário do escritor do livro de Atos sobre os judeus em Beréia é importantíssimo e de interesse de cada cristão sincero. A observação coloca diante de nós a explicação de qual é a mentalidade que verdadeiramente é nobre aos olhos de Deus. "E logo os irmãos enviaram de noite Paulo e Silas a Beréia; e eles, chegando lá, foram à sinagoga dos judeus. Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim. De sorte que creram muitos deles, e também mulheres gregas da classe nobre, e não poucos homens" - Atos 17.10-12 .

Analisando o contexto da frase, voltamos para Atos 16 e vemos que Paulo estava em sua segunda viagem missionária e atingia a Europa com sua pregação. Na sequência dos acontecimentos, experimentou uma passagem alegre por Filipos e depois entrou em Tessalônica e lá encontrou um grupo grande de pessoas que acreditaram em sua pregação. A conversão dessa gente ao cristianimo provocou a inveja de judeus incrédulos e eles mobilizaram "homens perversos dentre os vadios" (17.5) para criar uma multidão e causar tumulto, o que resultou na saída de Paulo e Silas para Beréia antes do tempo que haviam determinado estar naquela cidade.

A afirmação de que os judeus bereanos foram mais nobres (eugenesteroi). que os judeus tessalônicos não significa literalmente, mais nobre por nascimento; descendência de ancestrais ilustres. O termo é usado para designar a qualidade da mente e do coração. A comparação feita em Atos 17 não se refere à linhagem. pois assim como eles os tessalônicos eram judeus, tinham a mesma origem e nas duas cidades existia israelitas convertidos a Cristo. O que lhes conferia nobreza era a disposição mental de aprender sobre as coisas de Deus, a sinceridade, a capacidade para receber novas informações com serenidade sem criar oposição antes de examinar o discurso apresentado, por receber a palavra com alegria do Espírito Santo, e não como a palavra de homem, mas como a Palavra de Deus e tal susceptibilidade em relação a mensagem do Evangelho entregue pelos apóstolos, os fizeram participantes da graça de Deus.

Os judeus em Beréia aplicaram-se seriamente ao estudo das Escrituras quando receberam o ensino da parte de Paulo e Silas, entenderam que não deveriam receber a mensagem como palestra teórica, mas abraçá-la espiritualmente, foram capazes de ouvir com os ouvidos abertos ao Espírito Santo, não escutaram com a afeição do homem natural. Eles não apenas foram à sinagoga no sábado para cumprir o ritual religioso, mas saíram de lá e diariamente passaram a estudar os escritos do Antigo Testamento para conferir se o que haviam ouvido a respeito do Messias, sua encarnação, obediência, morte e ressurreição era mesmo a verdade. A investigação que, de bom grado, eles se propuseram a fazer sobre a doutrina de Cristo os abençoou, levando-os a crer, e por conseguinte serem salvos da perdição eterna, pois a atitude abriu seus olhos para se enxergarem dentro da condição miserável de homens pecadores e clamaram pela salvação em Cristo.

O estudo bíblico é sempre necessário em todos os setores da vida, pois a Bíblia é a luz do nosso caminhar e a lâmpada que nos auxilia para não tropeçar na caminhada cristã.

Os judeus bereanos são um bom modelo para os crentes de hoje. Todo cristão precisa deixar de lado todos os preconceitos e opiniões e partir às pesquisas com a intenção de descobrir "se essas coisas são assim", aceitar o conteúdo bíblico como o padrão da verdade, tratar as Escrituras  como o seu manual de consulta. Quando encontra diversas situações pelo caminho que obriga-o a posicionar-se, o procedimento correto é agir como os bereanos agiram, examinar a Bíblia com a intenção de tomar atitudes em conformidade com a vontade de Deus. Este hábito prova quem é o crente que possui coração generoso para com o Espírito Santo e classifica quem é o crente considerado nobre e quem é o crente indisposto a parar e a prestar atenção na mensagem do Evangelho, considerando-a indigna de reflexão séria e única fonte que lhe trará o conhecimento que torna capaz de evitar erros e gera a graça de Deus em sua vida.

Causa espanto encontrar quem não se interesse em conhecer em profundidade as posições das Escrituras em diversos assuntos importantes e seja capaz de seguir o curso desse mundo, acatar e repassar ideias, às vezes equivocadas, de irmão X e Y como verdades absolutas. O ser humano, mesmo cheio de boas intenções, é pecador; só Deus é santo, portanto, convém sempre estar pronto para escutar e aplicar em nossas vidas a opínião divina (Provérbios 20.25a).

O estudo bíblico é sempre necessário em todos os setores da vida, pois a Bíblia é a luz do nosso caminhar e a lâmpada que nos auxilia para evitar o tropeço na caminhada cristã. Usemos a iluminção do céu (Salmo 119.105).

E.A.G.

O evangelismo e o ensino

Toda pregação ensina, porém, nem todo ensino é uma pregação.

Pregar é proclamar. A pregação ensina por meio de monólogo, apresenta exortação e aplicação usando no método de comunicação a linguagem corporal, a inflexão de voz, o contato visual e etc. Pregar é comunicar o Evangelho entregando mensagens de consolo aos que sofrem e de ânimo aos que pararam à beira do caminho.

A pregação mais preciosa se consiste em apresentar o Plano da Salvação às almas perdidas, é evangelizar as almas que ainda não resolveram aceitar a Cristo como o Senhor e único e suficiente Salvador. É a prática de evangelismo, determinada por Jesus em Marcos 16.13. Cabe aqui ressaltar o texto sagrado capitulado em João 3.16. 

Quanto a ensinar, podemos dizer que é o mesmo que explicar, é responder perguntas, é desfazer dúvidas. O ensino tem o objetivo de reforçar a idéia, repassar dados, informações, para incitar o pensamento profundo (Colossenses 1.9-10). Basicamente, ensinar é entregar a mensagem bíblica aos que já se decidiram por Cristo, para aqueles que creram no Plano da Salvação e estão engatinhando como bebês espirituais, é dizer o que há de certo a fazer para as crianças na fé. Como um bom exemplo de material de ensino aos novos convertidos, e a todos que ainda não atingiram a maturidade plena e precisam crescer mais, julgo que as três cartas de João e a carta de Tiago são extremamente úteis para que o crente alcance à estatura espiritual de Cristo.

A pregação produz repetidores da palestra, tal qual os filhos imitam seus pais. O ensino bíblico provoca no cristão uma vida piedosa, sem transferência de conhecimento bíblico, nenhuma forma de vida piedosa existiria.

O evangelista e o mestre são embaixadores de Cristo, porta-vozes de Deus para entregar a mensagem que influenciará pessoas a viver em comunhão com o Criador. Tanto evangelizar quanto ensinar são ações descritas como aptidões dadas por Cristo a igreja com a finalidade de aperfeiçoar os santos, para a obra do ministério, para a edificação do corpo de Cristo (Efésios 4.10-12).

E.A.G.

Em defesa do neopentecostalismo - argumentação e contra-argumentação

Rachel Winter é jornalista e escritora de literatura cristã, edita o Blog Mensageiras da Ressurreição. É blogueira desde agosto de 2010, e eu sou leitor de seu blog. Em 18 de janeiro de 2015 ela escreveu o artigo Em Defesa do Neopentecostalismo, que considerei muito interessante porque não havia visto iniciativa assim na Blogosfera Evangélica até então. Eu fiz meu comentário a respeito do tema esposto por ela. Abaixo, a minha contra-argumentação, que não significa estar totalmente contra seus posicionamentos. 
___________

Prezada irmã Rachel.

Sou uma pessoa que se nega a lançar críticas sem o conhecimento da causa. Eu quero ver primeiro, ter minhas impressões próprias, recuso-me a seguir , de olhos fechados, o pensamento do outro quando o outro manifesta suas opiniões, seja um selo de aprovação ou reprovação.

Assim, sendo eu uma pessoa que nasceu no berço da Assembleia de Deus na cidade de São Paulo, conheci a Igreja Deus é Amor, a Igreja da Graça e a Igreja Universal, que são alvos de muitas críticas. Não posso comentar sobre outras neopentecostais porque não as observei.

Barganhas...

A grande crítica às neos é conhecida como Heresia da Barganha. Esta crítica atinge o costume de oferecer oração apenas aos crentes que entregarem uma quantia pré-determina em oferta. Eu vi isto acontecer pessoalmente, o dirigente do culto se propôs a orar apenas pelos doentes que pudessem ofertar antes da oração o valor de cem reais. E como ficaram os outros enfermos sem dinheiro? Foram despedidos com os seus males. Isso é uma crueldade sem escrúpulos que Jesus e os apóstolos jamais praticaram.

Eu vejo com preocupação a atitude dessas lideranças neopentecostais em distribuir aos membros apetrechos, como panfletos, cruzes, sal, copos de água, óleo, etc, associado a uma oração em busca de alguma espécie de bênção. Muitos membros se apegam a essas coisinhas, não conseguem orar em nome de Jesus sem que não tenham algum tipo de objeto nas mãos. Entendo que as ovelhas de Cristo deveriam ser preparadas para não depender dessas coisas ao orar ao Senhor, pois o ensinamento bíblico é que usemos apenas a fé e o nome de Jesus, e nada mais. 

Como cristão que preza pela clareza dos fatos, quero dizer que existem muitos depoimentos de milagres de curas nas igrejas pentecostais, sem nunca ser usado o recurso do copo de água, sal, panfleto , e imposição de entrega de ofertas com valor estipulado.

Os líderes neopentecostais citam como argumento, para a orientação de usar objetos, o episódio de Jesus e a lama nos olhos do cego, a cura através da sombra de Pedro e a cura de Naamã nas águas de um rio. Mas eles não cogitam que essas passagens não aconteceram associadas aos pedidos de ofertas, não cogitam que são passagens bíblicas de modalidade narrativa e não normativa. 

O fato de as narrações bíblicas sobre milagres vinculado em alguma espécie de elemento não estarem expostas como normas, nos faz entender que não se deveria fazer da situação do uso de elementos associados às orações um ritual litúrgico. Mas, infelizmente, o recurso é habitual, o costume se transformou em espinha dorsal das neos para arrecadação do financiamento de seus projetos ministeriais. O pastor distribui diversos objetos aos membros que aceitam contribuir com determinado valor em oferta, ensinando que a bênção poderá ser alcançada através daquela aquisição e da disposição em ofertar. E ora especificamente pelos participantes do que se convencionou chamar de “corrente” ou “campanha”.

Digo que não se deveria fazer de “correntes” ou “campanhas” partes litúrgicas de um culto mesmo sabendo que existe em algumas partes da Bíblia situações inusitadas usadas por Deus para alcançar seus propósitos de abençoar pessoas. Por que, não? Porque nenhuma cura na Bíblia foi realizada estipulando uma condicional padronizada. Aliás, Jesus e os profetas jamais repetiram fórmulas para realizações de milagres. Também digo que não deveria ser assim porque a prática induz a ovelha a deixar de ser adoradora para ser uma solicitante disso, aquilo e acolá. Deus busca adoradores que o adorem em espírito e em verdade!

Entendo que não existe esforço por parte de líderes de igrejas neopentecostais para oferecer aos membros ensino teológico aprofundado. Parece ser assim, não digo categoricamente que é. Eles parecem não desejar o crescimento espiritual das ovelhas, aparentemente não desejam fazê-las crescer em Cristo e se tornarem maduras espiritualmente.  Vi algumas pessoas neopentecostais com desejo de aprofundarem-se no conhecimento bíblico trocarem as neos por igrejas pentecostais e depois refutarem veementemente a prática da barganha.

É importante esclarecer que as igrejas neopentecostais afirmam que solicitam dinheiro para a manutençãao de programas de televisão com vista a evangelizar, usam este argumento de maneira maciça para promover a arrecadação. Porém, o mais recente apontamento do senso do IBGE acusou que a igreja que mais cresceu no Brasil nos últimos dez anos anteriores à pesquisa foi a pentecostal Assembleia de Deus. 

Equívoco dos pentescostais

Observando argumentações de críticos pentecostais, concordo com você que existe muita superficialidade ao se fazer a crítica. Em determinada ocasião, tive a oportunidade de refutar um renomado escritor e conferencistas assembleiano, conhecido dentro e fora do Brasil. Este crítico dizia que a prática da “unção do riso”, o “reteté“/ “sapatinho de fogo”, vinha das neos. Mostrei-lhe que o fundador da Assembleia de Deus, Gunnar Vingren era praticante desse costume, lá pelos idos de 1913, apresentando-lhe sua biografia. Ele criticava a Igreja da Graça e a Universal sem saber que na IURD e na IIGD não existe espaço para manifestações de “aleluias” e “glórias” em voz alta, que existe maior reverência de membros nas neos durante as ministrações da Palavra de Deus, que não se admite nas neos conversas entre membros e idas e vindas ao banheiro durante as pregações.

Mas, penso saber o que induziu o renomando escritor pentecostal a concluir equivocadamente sobre a origem da unção do riso, reteté/sapatinho de fogo. Existe um vídeo no YouTube, em que Kenneth Hagin, considerado o grande influenciador das igrejas neopentecostais brasileiras, aparece rindo muito, e diversos membros que estão no mesmo ambiente sendo incentivados por ele a rirem também, num ambiente que parece ser reunião de culto. Daí deduzir que aquilo seria uma invenção de Hagin, esquecendo-se do relato no livro biográfico de Gunnar Vingren.

A maior parte dos pentecostais tendem a ensinar que Deus não se interessa em abençoar aos crentes na parte material. Alguns até acreditam que seja pecado pensar em ser abençoado na esfera material. Nem se quer entendem que o Reino de Deus começa a fazer parte da vida do crente quando este crente aceita a Cristo como Senhor, o seu Rei dos reis. Parece que uma parte dos pentecostais desconhecem as etimologias das palavras paz, salvação e bênção nos idiomas do Antigo e Novo Testamento. Eles ignoram que a Bíblia fala em prosperidade no campo espiritual e material. E, não se sabe se propositalmente ou não, confundem o que a Bíblia diz sobre prosperidade com essa suposta doutrina classificada como Teologia da Prosperidade.

Concluindo.

Eu quero fazer parte de uma igreja perfeita, tenho esse desejo sabendo que não existe uma igreja perfeita aqui na terra, a perfeição só será atingida quando Jesus arrebatar os crentes desse mundo para adorarem a Deus eternamente lá no céu. Aqui, somos todos, homens e mulheres, crentes falhos, e precisamos aprender a nos tolerar e não exigir do outro a perfeição que não temos.

Porém, sendo gente falível, é lógico que não devemos aceitar todo tipo de falha, pois a raiz dos problemas nunca é a ação mas a intenção. Aquele que erra de maneira repetida e intencionalmente, deve ser avaliado e reprovado por nós, pois para isso Jesus Cristo nos deu pelo seu Espírito o dom de discernimento de espíritos (1 Coríntios 12.7-11). Quem age fraudulentamente, conforme escreveu em seu texto citando Mateus 12.3, é reconhecido por tudo que produz de ruim. Isso se aplica aos neopentecostais, aos pentecostais, aos crentes reformados e a qualquer outro crente que se identifique por outra rotulação.

Refutemos os hereges, tomando o cuidado para não cometer a heresia de confundir o que seja realmente heresia. Nem tudo que é estranho ao nosso modo de cultuar a Deus é pecado, então, antes de opinar, tenhamos a paciência de procurar o posicionamento bíblico a respeito daquilo que consideramos estranho.

E.A.G.

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

O Carnaval, os impostos e a inflação - charge


Parece que não tem jeito, virada de ano é quase sempre igual: o governo dá pão e circo e alguns se esquecem do caos em que o Brasil está afundando.

O IPVA, material escolar, a fatura do cartão de crédito estourado no Natal são cifras assustadoras que aparecem no primeiro mês do Ano Novo para estrangular o indivíduo. Todos sabem disso, mas a situação ainda pode ser muito pior. Acho que todos os brasileiros percebem que neste mês de janeiro os preços começaram a subir, quase tudo está mais caro. Isso é preocupante, porque o salário do trabalhador não subiu e então as contas não fecharão na mesma medida de janeiro de 2014. Muitos brasileiros começarão 2015 com as finanças no vermelho.

E.A.G.

Não farás imagens de esculturas

Por Eliseu Antonio Gomes

"O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens; nem tampouco é servido por mãos de homens, como que necessitando de alguma coisa; pois ele mesmo é quem dá a todos a vida, e a respiração, e todas as coisas" - Atos 17.24-25.

Na introdução do primeiro mandamento Deus se apresenta. O segundo mandamento é muito semelhante ao primeiro, os dois são de categoria espiritual e declaram a existência de um Deus vivo e ativo que deve ser adorado.

Os patriarcas de Gênesis e os isrelitas do deserto conheciam pouco sobre os atributos de Deus, o Criador se relevou aos seres humanos de maneira gradual ao longo dos séculos. Hoje, nós sabemos que Ele é um espírito e um ser invisível (João 4.24; Colossenses 1.15; 1 Timóteo 1.17).

Na época em que Deus escreveu o Decálogo, o Egito era um dos maiores centros de idolatria do mundo. Quando, na condição de escravos, os judeus viveram entre imagens de esculturas e obeliscos por muitos anos. Na região em que os judeus se encontravam após escaparem da escravidão egípcia, as sociedades de então praticavam religiões extremamente pagãs, da modalidade politeísta. Assim sendo havia o risco dos judeus inclinarem-se à idolatria, então Deus mandou a nação israelita não reproduzir nenhuma imagem de escultura em culto, o objetivo da proibição era evitar que eles atribuíssem às falsas divindades a sua poderosa ação de libertação.

"Não te encurvarás a elas e nem a elas servirás" (Êxodo 20.5; Deuteronômio 5.9). 

A idolatria se caracteriza por tudo aquilo que toma o lugar de Deus no coração da pessoa.

Temos que ter discernimento para não proibir o que a Bíblia não proíbe. O segundo mandamento refere-se a imagens com fíns cúlticos. Deus proíbe a adoração aos ídolos e o culto a qualquer imagem de escultura ou de pintura como o objeto de adoração. O contexto é religioso e remete à proibição de fazer imagens de escultura ou quaisquer figuras e se prostrar diante delas para as adorar. Portanto, desenvolver a arte de escultura para fins meramente culturais, apreciar o talento de artistas em galerias de artes, criar e manter acervos pessoais de fotografias, ou se deixar fotografar e possuir objetos decorativos em casa estão fora deste contexto. Confira: Êxodo 35.30-35.

Sentir a necessidade de outro intermediário, além de Jesus, para chegar-se a Deus é ter coração idólatra.

Deus trouxe as Boas Novas de salvação ao mundo através de Jesus, seu Filho abriu as portas do céu para todos que creem nEle como Salvador e o seguem como Senhor. Esta fé em Cristo não tem espaço para crendices.

A Bíblia apresenta Jesus Cristo como o único intermediário entre Deus e os homens (1 Timóteo 2.5-6). Para tomar posse das bênçãos que Deus nos preparou, não é necessário o uso de "galho de arruda", de "sal grosso", ou qualquer outro objeto, e nem de representações de figuras de "santo" ou "anjo".

Cultuar a Deus com a mediação de imagens é colocá-lo no mesmo nível das falsas divindades, é cometer uma atitude de afronta ao verdadeiro Deus. O Criador não se deixa reproduzir em meras elaborações humanas, nunca se apresenta aos homens através de imagens inanimadas, concretas.  É preciso vigiar, jamais esquecer que o sacrifício do Calvário nos dá livre acesso ao Trono da Graça, nos dá a condição de sem intermediários e artifícios nos aproximarmos de Deus, apresentar a Ele toda a nossa ansiedade sabendo que nos ouve e em nossa ansiedade cuida perfeitamente de nós (1 Pedro 5.7).

O amor ao materialismo em lugar do amor a Deus é idolatria

Deus não é um Papai Noel do século 21. Não convém servir ao Senhor com interesses de conquistas meramente materiais, como o carro novo, a conquista da casa espaçosa, o emprego melhor remunerado, a recuperação da saúde plena. "Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens" - 1 Coríntios 15.19. Portanto, o crente não deve buscá-lo por causa do que Ele pode dar, mas pelo que Ele é, pois quando buscamos o Reino e sua justiça em primeiro lugar, servindo-o com todo o coração, temos a promessa divina que o restante necessário nos é acrescentado (Mateus 6.31-33).

Deus não compartilha amor e adoração com nenhuma divindade criada pelos homens, não aceita coração dividido, quer exclusividade. Que o nosso cuidado não seja apenas com os ídolos esculpidos em metal, pedra ou madeira, retratados pelos traços de um pincel, mas também aos ídolos em forma de pessoas e coisas que possam entrar em nosso coração, como o amor do mundo, isto é, a concupiscência da carne,  a concupiscência dos olhos e a soberba da vida. Nada e ninguém deve ser mais importante para nós do que Deus (1 João 2.16).

Conclusão

No discurso de Moisés em Deuteronômio, na revelação do Sinai nenhuma imagem, forma, representação foi vista pelos israelitas. eles ouviram a voz de Deus vindo do meio do fogo, mas nenhuma representação de figura foi mostrada, apenas e tão-somente a Palavra (Deuteronômio 4.16, 23, 25). Guardemos a Palavra de Deus no coração par iluminar nossos passos na caminhada de fé, para que não pequemos (Salmo 119.11, 105).

E..A.G.

Compilações:
Ensinador Cristão, ano 16, nº 61, página 38 , jan/fev/mar 2015, Rio de Janeiro (CPAD)
Os Dez Mandamentos - Valores Divinos para uma Sociedade em Constante Mudança, Esequias Soares, 1ª edição outubro de 2014, páginas 39-48, Rio de Janeiro (CPAD).

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Meu barquinho - Nani Azevedo ao vivo

video

Fonte: Assembleia de Deus - Pirituba

Quando Deus manda retroceder

"Fala aos filhos de Israel que retrocedam" - Êxodo 14.2.

Um mandado como este é meio difícil de aceitar, voltar atrás, recuar, passar novamente por um caminho que você já percorreu anteriormente é complicado.

O povo de Israel tinha acabado de sair do Egito, sentia muita felicidade por escapar do domínio de faraó e do peso da escravidão. Os israelitas estavam sentindo a presença de Deus durante o dia através da nuvem e a noite na coluna de fogo.

E inesperadamente: "Retroceda!"

Imagine você nessa situação, será que obedeceria a essa ordem sem reclamar, sem murmurar? Talvez pensasse: sofrimento outra vez, tristeza e dor, nem pensar.

E assim acontece muitas vezes conosco, o Senhor nos manda retroceder, voltar para trás, para que Ele possa usar alguma estratégia, para nos dar um livramento maior ainda, assim como fez com aquela geração de Israel, que pensaram que iriam morrer no deserto. Mas a Palavra de Deus foi impactante para eles:

"Não temais; estai quietos, e vede o livramento do Senhor, que hoje vos fará; porque aos egípcios, que hoje vistes, nunca mais os tornareis a ver" - Êxodo 14.13.

Que os nossos olhos espirituais permaneçam abertos, para que tenhamos capacidade de perceber o momento certo de retroceder e a hora certa de avançar. Que usemos a paciência - uma das nove características do fruto de Espírito - para permanecermos quietos, esperando o aviso para seguir adiante. 

Devemos aprender com alguns exemplos da Bíblia:

1. Jacó precisou retornar para a casa de seus pais (Gênesis 31.13);
2. Lázaro, morto já há quatro dias, voltou a vida (João 11.43);
3. Natã, como profeta, aconselhou a Davi fazer tudo o que estivesse em seu coração, mas Deus o fez voltar atrás em suas palavras (2 Samuel 7);

Assim sendo, se, segundo a orientação das Escrituras Sagradas, é necessário que você retroceda em alguma área de sua vida, não questione, sossegue o seu coração e obedeça, em momento oportuno, se for realmente preciso receberá a sinalização para avançar.

E.A.G.

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

Assuntos abordados em Belverede / clique sobre a palavra para acessar os artigos sobre o tema

.Vida Cristã .Artigo e Comentário .cosmovisão .Comportamento .Televisão .Devocional .Vídeo .Política .CPAD .Líderes e liderados .Blogosfera Evangélica .Lições Bíblicas .Pais e Filhos .Atualidade .Família .Louvores .Charge Tirinha Cartum e Gravura .Dinheiro .Fé .Fruto do Espírito X Carne .Motivacional .Mulher .Casamento .Apologia Bíblica .Sexualidade .Crente Politizado .Música .Silas Malafaia Pr .CGADB .Frases & Imagens Impactantes .Etimologia Bíblica .Prosperidade .Profetas .Saúde .Meio Ambiente e Sustentabilidade .Hermenêutica .Livros e Leitores .redes sociais .Bom humor .Jovens .Conceitos e Preconceitos .Dupla Cidadania .Você sabia? .Ateísmo e Agnosticismo x Fé .neopentecostais .Cinema .Esporte .José Wellington Bezerra da Costa - Pr .Grupo de Colaboradores em Belverede .Personagens da Bíblia .Antigo Testamento .Dica de Blogueiro .Salmos .Introspecção .Natal .Soteriologia .Marco Feliciano Pr .Verdades e Mentiras .Pérolas .Sociedade Bíblica no Brasil .Ecologia .Aborto .Comunicado .Internet .óbito .Escatologia Bíblica .pentecostalismo .Samuel Câmara-Pr .Teologia .Gif .Novo Testamento .Ana Paula Valadão Bessa .[Fotos Belverede] .UBE .Questões (des)complicadas .RR Soares .Facebook .Belverede .Daladier Lima .Missões .animal doméstico .Carlos Roberto Silva Pr:: Blog Point Rhema .Provérbios de Salomão .Fanatismo .Pneumatologia - A Doutrina do Espírito .Quem sou eu? .Aline Barros .Crônicas e fábulas .Diante do Trono .Bíblia de Estudo .Dízimos e ofertas .João Cruzue .Billy Graham .Cosmovisão Cristã .Poema e Poesia .Namoro .Virtualidade Real e Realidade Virtual .Editora Vida .Páscoa .Sermão do Monte .Educação .Guerra e Paz .Gênesis .Nani Azevedo .Hamartilogia - A doutrina do pecado .Julio Severo .Sociedade Bíblica Trinitaria do Brasil .Jeremias .Nova Tradução na Linguagem de Hoje .Postagem Factual .Valmir Nascimento Milomen-Pb .Carta de Tiago .Geremias do Couto-Pr .Lília Paz .Fotos - Templos Evangélicos .Homilética .Virada de Ano .Altair Germano - Pr .Bem aventurança .Randy Glasbergen .Sammis Reachers .rádio .André Valadão .Angeologia .Arlete Oliveira .Arqueologia Bíblica .Carnaval .Crianças .Dia das Mães .Livros da Bíblia .Nova Versão Internacional .Patmos Music .Banda Voz da Verdade .Editora Central Gospel .Geografia Bíblica .Opinião .Priscila B Gomes .Rachel Sheherazade .YouTube .animal selvagem .Eclesiologia .Thalles Roberto .Wilma Rejane EBD / sumário .Cassiane .Editora Vida Nova .Política Brasileira .Editora Mundo Cristão .Ezequias Soares-Pr. .Jabes de Alencar - Pr. .LUCAS - O Evangelho escrito por Lucas .Magno Malta .Pesquisa .Prêmio Carta de Paulo aos Filipenses Smilinguido .Dia dos Pais .Exegese .Martinho Lutero .Mensageiro da Paz .Botânica .Dia das Crianças .Islamismo .animal aquático .Barack Obama .Cartas do Apocalípse .Charles Darwin .Fotos .Gutierres Siqueira .Insetos .Max Lucado .Shirley Carvalhaes X criacionismo versus darwinismo .A Bíblia Viva .Arminianismo .CONAMAD .Calvinismo .Editora Betânia .Eyshila .Fernanda Brum .Harpa Cristã .Jaime Kemp - missionário .Livro de Daniel .Lydia Moisés .Mulheres na Bíblia .Primavera .Tania Guahyba .Twitter .grafite .pássaros na Bíblia .Cristologia .Dia dos Namorados .Donald Zolan .Marisa Lobo .Árvores da Bíblia Charles Haddon Spurgeon .Dia da Bíblia .Edições Vida Nova .Futebol .Josué Gonçalves - Pr. .Livro de Jeremias .Montes da Bíblia .Neiva Silva .Paulo César Baruk .Reinaldo Azevedo .Soraya Moraes .Verão .Walter Brunelli - Pr. .teatro .Abba Press .Abraão de Almeida-Pr. .Bruna Karla .Carla Ribas .Dia Internacional das Mulheres .Dia de Finados .Esdras Costa Bentho-Pr .Instagram .Livro de Jó .Michael W. Smith .Oficina G3 .Oprah Winfrey .Outono .Regis Danese .Silas Daniel - Pr .Valdomiro Santiago - Apóstolo .Vanderleia M. Silva Yosef Nadarkhani .Albert Einstein .Antonio Gilberto - Pr .Cristina Mel .Dia da Mentira .Evangelho de Mateus .Flamir Ambrosio .Gediel Mendes .Gunnar Vingren .Jorge Tadeu Mudalen .João Ferreira de Almeida .Lauriete .Lázaro (ex-Olodum) .Morris Cerullo .Política Internacional .Slide . A. W. Tozer . Pregador Luo . Silmar Coelho - pastor .Adhemar Campos .August Rodin .Bom dia .CPAD Music .Claudionor de Andrade - pastor .Elaine de Jesus .Hillsong .Inverno .John Piper .Lea Wasiliew .Livro de Êxodo .Lucilene Batista de Brito Shirota .Nova Bíblia Viva .Quarteto Harmonia Celeste .Rose Nascimento .Timidez e Ousadia .orai por Israel .publicidade WhatsApp .Alan Kardec .Apocalípse 16 .Bete Gomes .Canon .Carta aos Romanos .Central Gospel Music .Daniel Berg .Danielle Cristina .David Quinlan .Editora Chamada da Meia-Noite .Editora Hagnos .Eduardo Cunha .Elinaldo Renovato - pastor .Enéas Tognini - Pr. .Genivaldo Tavares de Melo .Gesiel Gomes - Pr. .Google .Hernades Dias Lopes .João Alexandre .Livro de Isaías .Livro de Rute .Lourival de Almeida - Pr .MK Music .Marcelo Santos .Martin Luther King .Nito [Rubens Eduardo] .Pena de Morte .Ray Comfort .Robinson Monteiro .Russel P. Shedd .Third Day .Tim Laheye .Voltaire .Watchman Nee Damares .2 Carta de Pedro .2 Coríntios- Carta de Paulo .A Mensagem .Adolf Hitler .Alda Célia .Amizade .Andrea Fontes .Anita Malfatti .BLOG .Banda Catedral .CIMEB .CPAD News .Carta aos Gálatas .Casamento em jugo desigual .Cintia Kaneshigue .Dia Nacional da Consciência Negra .Dia do Professor .Dia do Trabalho .Downloads .Dwight L. Moody .Eber Cocareli - Pr .Editora Betel .Editora Candeias .Editora United Press .Edna Goetten .Escola Dominical .Evangelho de João .Fecomex .Feliciano Amaral .Google Plus (G+) .Gutemberg - Johannes .História Mundial .Isaac Newton .Içami Tiba .Jairo Elin Gollmann-Ev .John Wesley .Jorge Araujo .Katie Bivens .Katsbarnea .Kelem Gaspar - Missionária .Link Quebrado .Literatura .Livro de Amós .Livro de Juízes .Livro de Malaquias .Marcelo Crivella .Orquestra Jahn Sorheim .Ozeias de Paula .Paulo Romeiro-Pr .Quatro por Um .Raquel Melo .Retrospectiva 2017 .Robson Silva .Ronaldo Bezerra .Sociedade Bíblica Internacional .Sonia Hernades - bispa .Superstições e Lendas Urbanas .Talita Pagliarin .Tradução King James Atualizada (KJA) .Victorino Silva .folhetos evangelísticos Esequias Soares pastor Graça Music Juliana Bezerra Gomes Nésia de Araujo Gomes William Brassey Hole . .Introspecção . C. S. Lewis . Stephanie Colbert- vocalista Starship .1 Timóteo .A Nova Bíblia Viva .Adilson Lopes .Anderson Freire .Antropologia Bíblica .Antônio Cirilo .Ao Cubo .Arautos do Rei .Bezerra da Silva .Bill Gates .Boa noite .Boa tarde .Brenda-Santos .Bruna Olly .Bruna Surfistinha .C.I. Scofield .CPOL - Curso Preparatório para Obreiros de Pirituba .Caramuru Afonso .Carlos Alberto Bezerra Jr .Carta aos Efésios .Carta de Paulo aos Colossenses .Charles C. Ryrie .Ciclo das quatro estações .Claudio Duarte - pastor .Cleber Lucas .Comunidade Internacional da Zona Sul .Contos .Cristiano Santana .Curiosidades bíblicas .Danny Berrios .Dany Grace .Davi - rei .Deigma Marques .Discopraise .Donald Trump .E-books .EBI .Editora Atos .Editora Bom Pastor .Editora Cultura Cristã .Editora Dynamus .Editora SEPAL .Editora Sextante .Eduardo Campos .Elienai Cabral - pastor .Eliseu - profeta .Estevan Hernandes - Apóstolo .Estevão - o primeiro mártir .Evangelho de Marcos .ExpoCristã. .Fatos Curiosos - internacional .Fernandinho .Ficção Evangélica .Filho do Homem .Flamarion Rolando .Frederick K.C.Price .Geisa Iwamoto .Graça Editorial .Grupo Elo .Heber Sousa - pastor .Hebraico .Hieronymus Bock .Homenagem .Igreja Evangélica Indiana .Il Divo .Imprensa Bíblica Brasileira .Instituto Cristão de Pesquisa - ICP .Jair Messias Bolsonaro .Jamily .Jeanne Mascarenhas .Jimmy Swaggart .John Bevere .John Bunyan .John Lennon .Jonas .Josias Botelho .José Wellington Bezerra da Costa Junior - pastor .José Wellington Costa Neto - pastor .José do Egito .Kathy Fincher .Kleber Lucas .Leandro Marques .Lidia Caetano de Sousa - missionária .Livro de Deuteronômio .Livro de Eclesiastes .Livro de Habacuque .Livro de Joel .Livro de Josué .Livro de Miquéias .Livro de Números .Livro de Oséias .Livro do Apocalipse .Lições Bíblicas - Jovens .Ludmila Ferber .Lívia Malta .Magno Paganelli .Manuel Ferreira - Bispo .Marcio Melânia .Mariana Valadão .Marina Silva .Mario Teixeira .Marquinhos Gomes .Michelangelo .Mike Smith .Ministério Hebrom .Ministério de Adoração .Missões na Índia .Neemias .Notícia comentada .O Livro de Ageu .Oração .Os presidenciáveis para 2018 no Brasil .Paul Wilbur .Pedofilia .Profetas .Você sabia? .Quarteto Gileade .Rachel Novaes .Rebanhão .Recursos .Ressurreição .Rob Bell .Rodolfo Abrantes .Ron Kenoly .Salomão - rei .Saudade .Snezhana Soosh .Sociedade Bíblica Íbero-Americana .Sofonias .Sony Music .T.A. Hegre .Templo Soul .Vineyard .Voices .Walciley Vieira .William Shakespeare .Wim Malgo .áudio 1 Coríntios Alberto Rezende - pastor Charles Studd Elizeu Martins - pastor George R. Foster

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Sobre ilustrações no Belverede

O Direito Autoral de algumas imagens encontradas aqui não pertence ao Editor do blog. Esta situação se dá porque elas estão na Internet sem que haja a informação de quem seja o Dono.

Caso você seja o detentor do conteúdo, queira que seja feita a indicação autoral, ou não seja de sua vontade o compartilhamento, solicitamos que nos faça saber disto. Por favor, acesse a página do próprio texto e deixe recado no próprio texto em questão, ou use a página Contato.

Arquivo de postagens

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.