Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Super exposição em redes sociais


A Primavera de Sara, livro de Wilma Rejane Neri

Uma dica de leitura: 

 Livro cuja autoria é de Wilma Rejane Neri (A Tenda na Rocha), a quem tenho o prazer de dizer que faz parte do meu seleto círculo de amizades. Meu exemplar já está acomodado, com dedicatória da autora, em minha biblioteca. 

"A mensagem que Deus nos presenteia pelas mãos da Wilma sobre a vida e as experiências de Abraão e Sara é lindíssima. As bênçãos de Deus para Abraão e Sara estavam ligadas diretamente a uma peregrinação, uma mudança, o abandono de uma zona de conforto, perdas, até chegar a um determinado lugar onde a voz de Deus falasse: 'levanta agora os teus olhos e olha desde o lugar onde estás, para a banda do norte, sul, oriente e ocidente, porque toda esta terra que vês te hei de dar a ti e à tua semente, para sempre'" - trecho do prefácio, escrito por João Cruzué (Olhar Cristão). 

E.A.G.

O PT namora ditadores


Pelo fruto se conhece a qualidade da árvore. Cuidado com o PT. Se já votou nele um dia e ama a democracia, pondere em mudar seu voto. A alternância no poder é o que mais fortalece regimes democráticos.


Ernesto Geisel, presidente do Brasil entre 15 de março de 1974 à 15 de março de 1979, responsável pela abertura da transição política ao retorno à democracia brasileira, viu que os grupos que lutavam contra a ditadura não estavam interessados em democracia, mas trocar a ditadura dos generais pela ditadura deles. O que eu penso disso? Esse pessoal com ideologia comunista entrou no poder, mas até hoje não conseguiu impor o regime totalitarista, que tanto sonham liderar, porque não possui apoio das forças armadas. Dizem, não é confirmado, que quando estourou o escândalo do mensalão, quase que os generais promovem novo golpe e voltam a governar nosso país outra vez. 

Thalles Roberto e Jô Soares - a entrevista


Assisto programas no estilo Jô Soares dependendo de quem é o entrevistado. O talk show é uma ótima vitrine de avaliação. Para criticar, positiva ou negativamente, é necessário ter conhecimento daquele que falamos.

O resumo da entrevista de Talles Roberto ao Jô Soares, em 30 de outubro de 2013: 

Tem mania de comer tampinhas de garrafa; 
Era ser filho de um vidraceiro que também era pastor presbiteriano; 
Casou-se com uma colega de escola, filha de um médico. Conquistou-a depois de adulto, já como integrante da banda do Jota Quest, compondo músicas para ela e presentando CD da música composta em encontro ao luar dentro de um carro; 
Uma vez em show do Jota Quest, abandonou o palco e urinou em um casal confundindo-o com uma árvore. Não ficou esclarecido, mas parece evidente que estava sobre o efeito de drogas proibidas;
• Já chegou a pesar 107 quilos. Certa vez, usando remédios para emagrecimento, sofreu com o efeito colateral quando estava cantando no palco, borrando a calça;
Durante uma apresentação, após convertido, ao muitas vezes se referir ao demônio, chamou-o de capiroto. Este é o nome do prefeito da cidade, contratante do evento. O cantor pediu desculpas no ar. 

E.A.G.

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Thalles Roberto sabatinado por Jô Soares hoje

Divulgação: Thallrd Roberto | Instagram


"Thalles Roberto já fez parte das bandas Jota Quest e Jamil e Uma Noites. Antes de ser músico, trabalhou na vidraçaria do pai. Hoje é um grande sucesso no cenário da música gospel, reunindo milhares de pessoas nos seus shows."

É aasim que o site oficial do programa Jô Soares anuncia a entrevista que irá ao ar, hoje, 30 de outubro, na Rede Globo, após o Jornal da Globo. Segundo alguns sites com temáticas evangélicas, a gravação ocorreu em 11 de setembro.

E.A.G.

Thalles Roberto e Jô Soares - o resumo de entrevista

O comportamento de Johnny Deep

No último dia 29, o blog de Julio Severo trouxe um artigo sobre a escolha do ator Johnny Deep interpretar o personagem Tonto, em O Cavaleiro Solitário, um filme com adaptação livre dos quadrinhos  The Lone Ranger, da King Features Syndicate, e do antigo seriado de televisão (originalmente com o mesmo nome do gibi, mas no Brasil, levado às telas equivocadamente como Zorro).

O blog chama  a atenção para o fato de o roteiro cinematográfico ter transformado Tonto,em um índio comanche manso, bem diferente dos integrantes violentos que a história da vida real relata, e diferente da ficção, pois no desenho e seriado da TV sua origem era a tribo Potowatomi, indígenas pacíficos. 

Participei da postagem de Julio Severo com um comentário:


"Deep marca a sua carreira pela opção de personagens bizarros. Quando se esperava que fosse o Zorro, quis interpretar o índio, que é secundário na dupla.Nos anos da década de 1990, ou próximo disso, Deep participou na televisão de um seriado, que no Brasil era conhecido como Anjos da Lei. Interpretava um dos jovens policiais de uma equipe criada para ser infiltrar em escolas com o objetivo de investigar e capturar traficantes de drogas e outras espécies de bandidos. Essa produção o tornou conhecido em Hollywwood. Já famoso, produziu um filme para cinema, baseado nesta série (deve ter comprado os direitos autorais dela) e aparece como o personagem que fez na televisão, e este personagem é assassinado".

E.A.G.

O louvor dos serafins


Os serafins pertencem a uma ordem de anjos. "Serafim" é um termo derivado da uma palavra hebraica que significa "queimar".  Simbolizam o ardente amor de Deus pela humanidade (Cantares de Salomão 8.6).

A anatomia deles é descrita como seres humanos, mas possuindo seis asas. Pondera-se que  os serafins passem a maior parte de seu tempo na presença do Criador. No livro de Isaías é narrado que foram  vistos pelo profeta voando e cantando, celebrando com sinceridade e muita alegria a compaixão, a justiça e a santidade do Senhor, voavam ao redor do trono de Deus: "Santo, santo, santo é o Senhor dos Exércitos - toda a terra está cheia da Sua glória" (6.2, 6)  O apóstolo João os descreveu como seres incansáveis (Apoclipse 4.8).

Ao vê-los ao redor do trono de Deus, Isaías percebeu o quanto era imperfeito, e sentiu o peso de seu pecado. Então um dos serafins  aproximou-se dele com uma brasa ardente tirada do altar do Senhor e tocou seus lábios com ela, e dessa maneira o purificou.

Cogita-se que os anjos mais próximos de Deus sejam os serafins, que vivem completamente envolvidos no amor divino, incansavelmente concentrados para louvá-lo por tudo que é e faz.

E.A.G.

Veja mais: O que a Bíblia fala sobre anjos, arcanjos, querubins e serafins

terça-feira, 29 de outubro de 2013

O cuidado com aquilo que falamos

De todos os seres criados pelo Todo-Poderoso, o humano é o único que possui um aparelho fonador.

No relato da criação, encontramos a informação de que o Senhor trouxe a Adão todos os animais para que ele lhe desse um nome (Gênesis 2.19). Para os antigos semitas, nomear coisa ou alguém não era apenas identificar, significava dar autoridade e domínio.  Então, podemos concluir que o dom divino da fala é dado ao homem para que ele possa interagir em plena comunhão com o Criador.

Pregar em tempo e fora de tempo

Quando jovem, vivi uma experiência que serviu de lição importantíssima para minha vida cristã. Saí do emprego cansado e fui direto à igreja. Era uma reunião de meio de semana, o templo não estava nem com a metade dos assentos ocupados. O dirigente daquele culto me convidou para entregar uma mensagem aos presentes. Não havia pensado nada para aquele momento. Aprendi que nunca deveria recusar tais convites e aceitei participar pregando. Orei a Deus enquanto caminhava e fui ao microfone. Preguei quase vinte minutos e voltei ao meu lugar. Saiu algo novo, que não havia elaborado, mas já conhecia bem porque costumava ler constantemente a Bíblia Sagrada, a mente recordava a leitura devocional. Eu não percebi qualquer tipo de impacto naquela exposição que fiz. Os anos se passaram, e encontrei um irmão que estava naquela mesma reunião e me fez relembrar aquele momento para dizer que o Senhor havia falado muito forte com ele através da minha instrumentalização e me agradeceu. Que só o Senhor seja glorificado nisso!

Louve em todas as situações

"Cantai louvores a Deus, cantai louvores; cantai louvores ao nosso Rei, cantai louvores. Pois Deus é o Rei de toda a terra, cantai louvores com inteligência" - Salmos 47.6-7.

Paulo estava preso ao lado de Silas. Revoltaram-se contra Deus ou desanimaram na fé? Não, eles fizeram um culto entoando louvores e o Senhor os ouviu, agradou-se muito, e então usou um terremoto como ferramenta de libertação, as cadeias se abriram e os dois saíram ilesos do cativeiro (Atos 16.20-26)..

O fruto certo na estação certa

"Meus irmãos, pode também a figueira produzir azeitonas, ou a videira figos?" - Tiago 3.12 a.

Deus criou a natureza com suas especificidades: a videira produz uvas e a aboboreira abóboras.

Cada ser humano recebeu talento especial da parte de Deus. Cada qual tem uma chamada específica para ser útil de alguma maneira em sua geração. Ninguém precisa imitar ninguém. O dom que Deus te deu não existe quem seja capaz de executar com mais perfeição do que você. Então, seja fiel ao Senhor na proposta que Ele, em sua sabedoria infinita, preparou para sua vida. Aprimore seu dom exercitando-o. E ore para que os outros executem bem a parte que lhes compete fazer com o dom deles.

Pecados no falar

O cristão ao se comunicar deve manter-se em domínio próprio. Tiago ensina sobre isso em sua carta (1.26; 3.2-5). Tal qual o cavalo possui freio e para onde deve parar e o navio o leme e muda seu rumo ao toque do timoneiro, a língua necessita de controle, falar e calar nos momentos ideais, e servir de direção à bênção e jamais à maldição.

A pauta deste artigo possui diversas abordagens neste blog. Faço sugestões de consultas sobre algumas  publicações cujos temas estão relacionados:

Errar é humano, mas erre menos

Crentes irados e descontrolados

Efésios 5.4 - a definição do termo chocarrice no idioma grego

Princípios bíblicos para um bom relacionamento

1 - Saiba ouvir (Provérbios 18.13);
2 - Não se apresse ao falar (Provérbios 17.28; 19.2);
3 - Fale pouco (Provérbios 10.19; 12.18; 13.3);
4 - Fale coisas boas das pessoas (Provérbios 16.24, 28; 20.19);
5 - Não atice conversas (Provérbios 26.20-21; 30.33);
6 - Fale pouco de si mesmo (Provérbios 27.2).

Conclusão

Somos encorajados pela Palavra de Deus a fazer bom uso da comunicação. Todo esforço é válido para evitar que a nossa língua seja instrumento de maldição. Usemos a palavra para proclamar a paz e harmonia, para edificar vidas anunciando o Evangelho de Jesus Cristo.

E.A..G.
________

Compilação em: 
Sábios Conselhos para um Viver Vitorioso; José Gonçalves, capítulo 5, Rio de Janeiro (CPAD).

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Cantora Sandy agride Marco Feliciano

Quem se lembra da Sandy?

É a garota da extinta dupla Sandy e Junior, filha de Chitãozinho, cantor de música sertaneja, quando criança fazia sucesso ao lado do irmão. Estava desaparecida da mídia há algum tempo, sua carreira agora está em baixa, é uma artista distante do grande público que a aplaudiu tanto.

No domingo, 27 de outubro, compareceu ao Programa Eliana (SBT). quando foi extremamente grosseira ao responder o que pensava sobre o Pr. Marco Feliciano, deputado federal e presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias.

“Falei que eu sou ‘facinha’ de lidar, mas nem tanto. Não aceito. Ele é um político. Ele deveria resolver coisas pelo Brasil. É um cara que pode colocar a mão na massa e resolver os problemas do povo. Mas, ele tem uma cabeça muito atrasada e retrógrada. Não tem nada a ver com o momento em que estamos vivendo. Ele está muito atrasado. O preconceito tem que ficar para trás. Fora Feliciano“, disse a filha de Chitãozinho.  

Com certeza sua declaração contra Feliciano visa se promover e promover o preconceito contra a comunidade cristã brasileira. Devido a qualidade de sua infeliz declaração, podemos dizer que está muito mal assessorada. Ao insultar Feliciano, consequentemente também agride seus eleitores, cidadãos evangélicos e católicos.

Houve resposta do parlamentar, via Twitter:

“Sandy, como a maioria, deve dar ouvidos apenas ao que lê na Internet e vê na mídia, desconhecendo sua verdade. Sandy e seu irmão sempre sofreram preconceitos e, sempre que li sobre isso, orei por eles. Parte da família dela é evangélica. Continuarei orando por ela.“ 

O que ela fez agradou ativistas gays e desagradou a maioria de prováveis consumidores de seus novos CDs e DVDs. Caso continue com este tipo de assessoria (melhor dizer orientação de inimigos) deve começar a pensar em esquecer a música e se dedicar a outra atividade. Sua música vai encalhar nas lojas, assim. Tão nova, coitada.

E.A.G.

Atualização: 28/10/2013 21h30

domingo, 27 de outubro de 2013

Solilóquios no Facebook

Solilóquios: desejo de explicar ou confundir?

Solilóquio. Palavrinha estranha e pouco usada. Porém, o que ela significa está em alta no Facebook. É escrever recado para uma pessoa,  não pontuar o destinatário, e enviar para um grupo não relacionado diretamente ao assunto abordado sem intenção de esclarecer a ninguém. É a ação de falar sozinho, não haver interlocutor, é usar monólogo, é o ato de pensar em voz alta.  

Acho que quem faz isso usa o recurso para desabafar, alfinetar alguém. No fim de tudo, machuca a si mesma. 

Abordo a atitude de quem escreve postagens absolutamente de assuntos pessoais, pessoas que publicam conteúdos para quem nem imagina do que se trata. Um exemplo: alguém termina o namoro e está com raiva do ex-namorado, dá-lhe postagens para 3 mil contatos que ela nunca disse que namorava, jamais apresentou o tal ex. Não explica que o namoro foi rompido e nem o motivo do rompimento. Acredite, casos assim já aconteceram. Minha sugestão é que se a sua intenção não for dizer tudo sobre determinado fato ou sentimento para as pessoas que receberão sua postagem, então não diga absolutamente nada para elas. Entendo que generalizar nem sempre ajuda. O ponto específico quase sempre não representa o conjunto. É compreensível que em momentos emocionalmente difíceis uma pessoa se comporte dessa maneira. Mas a elas digo que agir assim não é o meio de encontrar a solução. 

Tal tipo de “recado” é recebido como se fosse um conjunto de códigos de difícil decifração, porque não se entende perfeitamente o que se lê. Por ser conteúdo intenso e não explicar quase nada sobre a razão de sua intensidade, quem o escreve gera desconforto e causa estranheza aos seus leitores, cria dúvidas sem oferecer respostas.  

A regra da boa comunicação é prestar esclarecimento. E pelo motivo do solilóquio não esclarecer quase nada, encontro quem o lê reagindo com indignação. Até já vi alguns que desfizeram o elo de contato online irritados com quem escreve conteúdos confusos. 

Como blogueiro evangélico, muitas vezes uso o fato específico como pauta de texto e lanço-o de maneira geral. Tomo cuidado de não transformar o tema em embaraço ou constrangimento. Evito tomar partido pessoal do caso. Ao escrever, em primeiro lugar meu objetivo é expor na abordagem o ponto de vista da Palavra de Deus, em segundo, fazer conhecida minha opinião sobre o assunto. É conteúdo escrito com clareza, mensagem direta, não é uma indireta, pois troco o público-alvo, que não é um único destinatário não declarado, por todos os internautas que porventura entrarem em contato com a redação. 

E.A.G.

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

O que há em comum entre Rogério Ceni e Alexandre Pato?

O que há em comum entre Rogério Mücke Ceni e   Alexandre Rodrigues da Silva, mais conhecido como Alexandre Pato ou apenas Pato?

Todos sabem Rogério Ceni é goleiro do São Paulo Futebol Clube e Alexandre Pato é atacante do Corinthians.

 Na noite de quarta-feira, 23, Ceni surpreendeu a todos fazendo defesas espetaculares, em partida pela Copa Sul-Americana contra o Universidad Católica do Chile, no estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago. A partida terminou vitoriosa para o SPFC com o resultado de 4 a 3, e eliminou o adversário do campeonato. Ceni fez cinco defesas difíceis e levou os são-paulinos a vibrar muito. 

 Em Porto Alegre (RS), noite de quarta-feira, 23, Pato provocou a fúria de corintianos em partida contra o Grêmio às semifinais da Copa do Brasil. O tempo normal encerrou empatado em 0 a 0. Na etapa de pênaltis, quando marcar o gol era decisivo para seguir na competição, Pato cobrou o pênalti e lançou a bola aos pés do goleiro Dida, que já havia defendido três vezes. E assim o Corinthians foi eliminado do campeonato. 

O que há em comum? Todos sabem, os dois esportistas são destaques do futebol brasileiro jogando no Brasil. Também que são compatriotas, nasceram no Brasil, mas nem todos sabem que eles são conterrâneos, nascidos no estado do Paraná, ambos nasceram na cidade Pato Branco.

E.A.G.

Fidelidade e chamada ministerial

Conto o fato e não cito nomes. As duas pessoas do relato estão em meus relacionamentos online.

Um pastor evangélico pentecostal, muito conhecido dentro e fora do Brasil, inconformado com muitos deslizes gravíssimos da liderança em sua igreja, os quais foi testemunha ocular, passou a protestar internamente alertando para a necessidade do conserto. Não foi ouvido, pelo contrário, recebeu desprezo e foi colocado de lado em suas atribuições. Com o passar do tempo passou a usar a Internet como seu microfone, tentando alertar outros e dessa maneira mudar o caos instalado. Sempre polido, mas contundente. Encontrou muitos apoios em sua insatisfação e solicitação de acertos com Deus.

Em tom amigável, um colega de pastorado aproximou-se dele, à miúda, tal qual um dos “conselheiros” de Jó: “Pense em sua carreira, confrontando os que estão acima de nós o seu futuro não será promissor. Não terá espaço para publicar artigos em periódicos, não receberá convites para palestras oficiais...”.

No meu relato acima, aquele que está pensando apenas no sucesso da carreira dentro da denominação está equivocado. Observo as Escrituras de forma contextualizada para dizer isso.

Eu considero o pastor insatisfeito um profeta autêntico em atividade em nossa geração. E sei que nem todos os cristãos receberam de Cristo a chamada ministerial para ser profeta. Jesus estabeleceu na igreja alguns como apóstolos/missionários, outros, evangelistas, outros, mestres... Outros, pastores (Efésios 4.11).

No Antigo Testamento, os profetas levantaram a voz contra ungidos do Senhor! Não me lembro de nenhum profeta nas páginas bíblicas, na antiga e nova aliança, que tenha sido um bom “relações públicas”. Todos foram chamados por Deus para criticar pessoas equivocadas, que estavam afastados do Senhor. Muitos fizeram inimizades, muitos foram tidos como inconvenientes, perderam bens, perderam a liberdade, e até a própria vida.

Eu acho um erro calar quando temos a quem falar. Vejamos:
• Missionários e evangelistas, público-alvo: aqueles que ainda não aceitaram a Cristo;
• Pastores e mestres: os salvos;
• Profetas: os salvos e quem ainda não tiveram encontro com Jesus.

Enfim, apóstolos, profetas, evangelistas, pastores e mestres são seres humanos, e mesmo que bem intencionados cometem pecados em suas trajetórias ministeriais. Cabe a cada um de nós fazer exame criterioso de suas falas e atos usando como régua – para discernir a ética, a moral e a espiritualidade de cada um - a Bíblia Sagrada.

Seja ao chamado que o Senhor lhe deu. 

E.A.G.

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Comentários aleatórios no Facebook

Postagens em 23 de outubro de 2013:

Blogosfera Cristã. O Balido. Ótimo blog criado e dirigido por Judson Canto, assembleiano de berço. Recomendo a todos que são cristãos assembleianos. Matérias sempre elaboradas à luz da Bíblia Sagrada. Perder tempo é não acessá-lo.

Jornalismo e Bíblia. Jornal da Band apresenta reportagem interessante. Polícia Civil paulista monitora bandidagem ao celular, flagra conversas deles e descobre que praticam crimes trocando informações sobre como praticar melhor seus atos ilícitos, mesmo quando são meliantes de bandos diferentes. Ora, isso seria uma grande surpresa se a Bíblia Sagrada não informasse tal situação muitos séculos atrás: “os filhos deste mundo são mais prudentes na sua geração do que os filhos da luz” (Lucas 16:8 b).

Luta, louvor e vitória. Paulo estava preso ao lado de Silas. Revoltaram-se contra Deus ou desanimaram na fé? Não, eles fizeram um culto entoando louvores e o Senhor os ouviu, agradou-se muito, e então usou um terremoto como ferramenta de libertação, as cadeias se abriram e os dois saíram ilesos do cativeiro. Atos 16.20-26.

Manutenção de PC. Computador lento, travando? Nem sempre a culpa é do navegador ou da máquina. A conexão de internet é parecida com uma trilha na vegetação, é preciso limpar o caminho. Informe-se sobre limpeza do disco e desfragmentação. Limpe. Desfragmente. E depois venha curtir as amizades no campo virtual, sem aborrecimentos com a espera de resposta aos cliques de teclado ou mouse.

Plataformas à web. Google Chrome, Mozila Firefox, Internet Explorer, ou Safari? Cada navegador possui seu ponto forte e ponto fraco. O ideal seria que os internautas pudessem ter HD com capacidade de armazenar todos eles e conexão em banda larga com 12 gigas, ou mais, para a comunicação fluir livremente.

O Criador e a individualidade. Cada ser humano recebeu seu talento da parte de Deus. Cada qual tem uma chamada especial para ser útil de alguma maneira em sua geração. Ninguém precisa imitar ninguém. O dom que Deus te deu não existe quem seja capaz de executar com mais perfeição do que você. Então, seja fiel ao Senhor na proposta que Ele, em sua sabedoria infinita, preparou para sua vida. Aprimore seu dom exercitando-o. E ore para que os outros executem bem a parte que lhes compete fazer com o dom deles.

Sabedoria. É fácil criar contenda, não é preciso nem ter inteligência. Mas para amar, pacificar, é preciso ter Q.I. saudável disposto a trabalhar.

Janela nova. Ontem, atualizei o Windows 8 para 8.1 no notebook. Quase uma hora e meia, de download. Valeu. Novos aplicativos e melhorias de aplicados já existentes. Tudo de graça aos que possuem a primeira versão.

Entre pais e filhos: experiência e compromisso. As coisas mais importantes da vida não se aprende em faculdade em curso de pós graduação, aprendemos em casa com os pais. Quem nos ama mais tem mais a oferecer de bom! 

_________

Observação: convido você a adicionar seu perfil ao meu: https://www.facebook.com/eliseu.gomes 

E.A.G.

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Jornal da Band comprova: filhos deste mundo são mais prudentes que os filhos da luz

Ticiana Villas Boas e Ricardo Boechat

Hoje, 23 de outubro, por volta de 20 horas Jornal da Band apresenta mais uma reportagem interessante:

Polícia Civil paulista monitora bandidagem ao celular, flagra conversas deles e descobre que praticam crimes trocando informações sobre como praticar melhor seus atos ilícitos, mesmo quando são meliantes de bandos diferentes. Ora, isso seria uma grande surpresa se a Bíblia Sagrada não informasse tal situação muitos séculos atrás: “os filhos deste mundo são mais prudentes na sua geração do que os filhos da luz” (Lucas 16:8 b).

E.A.G.

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Lidando de forma correta com o dinheiro


É necessário o máximo de cautela para não ser dominado pela avareza e egoísmo. O amor ao dinheiro suscita o lado vil do ser humano, a meter-se em negócios ilícitos, corromper e ser corrompido, subornar e ser subornado, motiva a agiotagem, impulsiona-o a dissimular, roubar, matar. Se o dinheiro não é dominado como servo, transforma-se num terrível tirano para quem o possui ou deseja possuí-lo.

Advertência contra a fiança. Salomão nos chama a atenção para a situação embaraçosa de nos empenhar como fiador em favor de alguém que não conhecemos muito bem -  o vizinho, o parceiro de negócios, não se refere ao amigo íntimo ou parente.

Nos tempos bíblicos, com um aperto de mãos assumia-se a responsabilidade sobre dívida de terceiros ou por outra obrigação semelhante. Hoje em dia, presta-se a essa condição insegura emprestando o cartão de crédito ou folhas do talão de cheque, sendo avalista em compras feitas com pagamentos parcelados.

Em Provérbios 6.1-2; 11.15; 17.18; e 22.26-27, Salomão afirma que entrar em acordo para ser avalista não é decisão sábia, por ser uma questão que ultrapassa o controle do fiador, é como aceitar entrar conscientemente dentro de uma armadilha feita pela pessoa afiançada, permitir que o avalizado controle sua vida, é correr o risco de viver a mais vergonhosa indigência.

No livro de Gênesis (43.9; 44.32-33) encontramos a triste experiência de Judá, que ofereceu-se em garantia pela devolução em segurança de seu irmão Benjamim ao seu pai Jacó. Quando isso parecia impossível acontecer, teve que se apresentar a José como seu escravo.

Advertência acerca do crédito e contra a usura. Provérbios 22.8, 26-27. A Palavra de Deus repudia a prática do lucro fácil por meio do empréstimo baseado em juros abusivos. Emprestar dinheiro a quem precisa cobrando juros altos é ser uma pessoa perversa, agir sem as medidas certas, quem assim faz semeia a injustiça e prepara seu próprio futuro para colher muitos males e por fim perecerá. Tal atitude é uma transgressão da lei divina, que provoca punições de tristeza e dissolução (Jó 4.8; Oseias  8.7; Gálatas 6.7-9).

Encontramos em Deuteronômio 23.19-20 a legislação israelita concernente à agiotagem, proibindo a cobrança de juros exorbitantes, fosse em dinheiro, comida ou qualquer outra coisa. Sobre isso Davi advertiu solenemente no Salmo 15, afirmando que quem cobra juros altos não será cidadão do céu.

O Código Penal Brasileiro prevê que o crime de usura, ou agiotagem, ocorre quando os juros cobrados por particulares forem maiores do que os praticados pelo Mercado Financeiro e permitido por lei. Segundo a legislação brasileira a agiotagem é crime.

Não é incomum pensar que o mês é maior que o salário, e esquecer que ter muito dinheiro não significa ter a solução para todos os problemas. É preciso tomar muito cuidado com a administração financeira, olhar ao longe, bem além dos pagamentos mensais, não ceder à pressão do recurso em cartão de crédito, cujos juros são altos e a razão da ruína de muitas pessoas, inclusive a ruína do casamento. Pague dívidas dentro do prazo, quando não for possível pagar na data de vencimento comunique o problema ao credor.

Advertência contra empréstimos não honrados. Provérbios 11.15. O Pr. José Gonçalves conta em seu livro Sábios Conselhos para um Viver Vitorioso um caso contado por seu pai:

Dois vizinhos tinham o hábito de emprestar suas ferramentas um ao outro, sendo que um deles era esquecido quanto à obrigação de devolvê-las. Certo dia ele enviou seu filho para solicitar o empréstimo de um serrote, apelidado por eles como Vai-e-Vem. O garoto retornou de mãos vazias e com o seguinte recado do dono da ferramenta: "Se o Vai-e-Vem fosse e viesse o Vai-e-Vem iria, mas como o Vai-e-Vem vai, e não vem, o Vai-e-Vem não vai".

Gonçalves também compartilha com leitores de seu livro um esboço de sermão, baseado em Romanos 13.8, sobre empréstimo:

Cinco grandes pecados cometidos por quem não paga:
1º - peca contra Deus escandalizando o evangelho (2 Corintios 6.3);
2º - peca contra o próximo, vítima do calote;
3º - peca contra si mesmo, ao formar o mal caratismo;
4º - peca contra o Estado, impedindo a arrecadação de impostos;
5º - peca contra a Igreja, dando mal testemunho.

Advertência contra o tolo. Provérbios 17.16. Este versículo é satírico, pois não é possível ao insensato comprar a sabedoria por preço algum e nem adquiri-la por qualquer fórmula mecânica. Também é impossível compensar a falta de sabedoria com a posse de dinheiro. A sabedoria do alto é adquirida apenas com a atitude apropriada do coração aberto às diretrizes do Senhor. Conferir o contexto: Provérbios 4.7; Tiago 1.5; 3.13-18.

A vida do ser humano não se consiste na abundância de bens que possui (Lucas 12.15). Provérbios classifica como tola a pessoa que possui riquezas de maneira avarenta. O cristão rico, cheio de sede de possuir mais, que não é capaz de usar sua riqueza para ajudar o próximo, não colabora com a Casa de Deus, não contribui com obras missionárias e não investe no bem-estar de sua família não é uma pessoa sábia aos olhos do Senhor.

De nada serve o dinheiro na mão do tolo já que ele não se interessa em obter a sabedoria. Isto é, não pretende buscar para si o conhecimento ideal, coisas proveitosas para si e para o próximo segundo a vontade de Deus.

Buscando virtudes. Provérbios 23.22-25. As crianças são ensinadas quanto a corretos relacionamentos familiares. Esses princípios são derivados do quinto mandamento (Êxodo 20.12). Os sábios observam este modelo de vivência e convivência e o aprovam.

O dinheiro jamais será o bem mais precioso que o ser humano pode possuir. O conhecimento da vontade de Deus é um bem espiritual incalculável para nossas vidas, supera o valor de todas as riquezas desse mundo perecível.

Buscando a suficiência em Cristo. Em Filipenses 4.6-7, 19, 21 Paulo demonstra interesse não apenas por seu bem-estar mas também pela dos crentes de Filipos. Diz para não se preocupar com nada, esta afirmação está em paralelo com Mateus 6.25-34; 1 Pedro 5.7.

A declaração do apóstolo revela uma promessa divina aos que estão em Cristo Jesus: Deus supre a nossa necessidade de forma distinta e definitiva. A promessa é revelada a uma igreja que, com sacrifício, havia contribuído generosamente para suprir as necessidades dele, que estava inserido em projeto missionário. Quando agimos com generosidade o Senhor se compromete a nos fazer mais prósperos. Deus não é sovina quando se trata de provisão aos seus servos, provê bênçãos materiais e espirituais de acordo com a nossa necessidade, isto é, o suficiente para que o bastante não seja excessivo e nem que o pouco seja ao baixo nível da escassez.

Conclusão

"Os bens que facilmente se ganham, esses diminuem, mas o que ajunta à força do trabalho  terá aumento. Melhor é o pobre que anda na sua sinceridade do que o de caminhos perversos, ainda que seja rico" - Provérbios 13. 11; 28.6.

Aos cristãos, inseridos na cultura do lucro fácil, lugar em que é mais admirado a situação do ter do que o ser, é imprescindível saber usar o dinheiro de maneira correta, para esquivar-se de meios ilícitos para enriquecer. Precisa estar firmemente decidido a usar o dinheiro corretamente, para seu bem-estar e para ajudar o próximo e honrar ao Senhor.

Deus deseja que tenhamos uma vida abundante (João 10.10). Não é um erro você também desejar viver a área financeira equilibradamente, administrar uma conta bancária realmente abençoada que possibilite ter mais do que o dinheiro para pagar as contas do mês e tenha condições de possuir bons bens materiais.

É preciso usar ao máximo a prudência ao decidir ser um fiador ou tomar certa coisa emprestada ou determinada soma em dinheiro, para que através das coisas materiais possamos glorificar a Deus. A posse do dinheiro e todo tipo de bens materiais deve promover valores espirituais e o bem-estar social.

Administração equilibrada de dinheiro assinala quem é o cristão que vive de forma justa, quem está apto para ser um cidadão do céu.

E.A.G.
__________

Compilações:
Bíblia de Estudo NTLH, edição 2005, Barueri-SP (SBB);
Bíblia de Estudo NVI, edição 2003, São Paulo-SP (Editora Vida);
Bíblia de Estudo de Genebra, 1999, Barueri-SP (SBB);
Bíblia de Estudo Plenitude, edição 2001, Barueri-SP (SBB);
Ensinador Cristão, 4º trimestre de 2013, página 38, Rio de Janeiro (CPAD);
Lições Bíblicas - Sabedoria de Deus para uma Vida Vitoriosa, José Gonçalves, lição 4, 4º trimestre de 2013, Rio de Janeiro (CPAD);
Sábios Conselhos para um Viver Vitorioso; José Gonçalves, capítulo 4, Rio de Janeiro (CPAD).

Lição 1 O valor dos bons conselhos

Lição 2 - Advertência contra o adultério

Lição 3 - Trabalho e prosperidade

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

O bêbado e o senso do ridículo

A embriaguez rouba mais do que apenas o equilíbrio, leva o senso do ridículo também.


domingo, 20 de outubro de 2013

Conquistas e reconquistas no casamento


Casamento não é prisão, é uma conquista seguida de reconquistas diárias, "até que a morte os separe"

E.A.G.

sábado, 19 de outubro de 2013

Horário de verão 2013 - charge: o fazendeiro e o galo



O Horário de Verão de 2013 começa no próximo domingo, 20 de outubro, à zero hora. Oficialmente, os relógios deverão ser adiantados no sábado a partir de 23h59 em sessenta minutos. O término ocorrerá em 16 de fevereiro de 2014.

Regiões atingidas: Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo.

Se 16 de fevereiro coincidir com o domingo de Carnaval, o final do Horário de Verão será transferido para o domingo seguinte, conforme determinação do Decreto nº 6.558.

E.A.G.

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Trabalho e prosperidade


O Livro Provérbios de Salomão nos ensina que não existe nada errado em possuir o desejo de ser uma pessoa bem-sucedida na vida. A leitura de seus 31 capítulos nos leva a entender que a prosperidade é um dom de Deus conquistado trabalhando.

A verdadeira prosperidade é intangível, não é apenas a posse de muito dinheiro. No entanto, na sociedade atual muitos relacionam a prosperidade ao acúmulo de dinheiro e bens materiais, querem ser ricos a todo custo e vivem correndo desesperadamente atrás apenas do lucro monetário e desprezam as orientações de Deus.

Para Salomão, a vida bem-sucedida não era apenas resultado do sucesso financeiro, mas da escolha em viver em santidade e dedicado ao trabalho honesto (Provérbios 3.3.4).

A bênção do Senhor gera prosperidade através da generosidade, do conhecimento e do trabalho.

A generosidade

Salomão apresentou a metáfora do Celeiro e Lagar para instruir o crente sobre a importância de ser pessoa generosa (Provérbios 3.9-10). É uma lei espiritual, o homem que honra ao Senhor com suas primícias terá resultados positivo, pode esperar a abundância através do seu trabalho.

A diligência

Salomão também instruiu sobre a diligência ao trabalhar. Aquele que se esforça para especializar-se em seu trabalho e se dedica às tarefas com afinco é uma pessoa que encontrará meios para satisfazer seus desejos, será próspero (Provérbios 3.10, 15; 13.11; 28.19).

O trabalho

"O Senhor é quem te dá força para adquirires poder" - Deuteronômio 8.18. Isto é, Deus não interage com o ser humano como se fosse o gênio da lâmpada de Aladim. concede a capacidade humana para cada um de nós ser um eficiente trabalhador, através do próprio suor ter seu meio de sobrevivência.

É sabido que a prosperidade não é apenas resultado do esforço do trabalhador, porém, sem trabalho o homem não prospera. Deus criou o ser humano com capacidade para ser produtivo e criativo, agente compassivo, ético e benigno, quando a pessoa escolhe viver assim, é abençoado pelo Senhor.

O trabalho honesto é um dom de Deus. É atividade que satisfaz a necessidade humana, uma ocupação altamente importante que dignifica a vida do ser humano, gera riqueza e felicidade. Quando a atividade profissional coincide com aquilo que a pessoa gosta de fazer, ela então pode se considerar plenamente abençoada por Deus, pois extrai seu sustento daquilo que lhe dá prazer.

É senso comum definir trabalho com emprego remunerado. A grande maioria das pessoas estão empregadas porque receberão salário. Mas nem todo trabalhador é assalariado. Haja vista a valorosa figura abnegada da dona de casa e cidadãos honrados que se apresentam para funções extremamente importantes na sociedade em caráter voluntário, dedicando tempo, talento e suor em favor do próximo sem nenhuma pretensão de retorno financeiro.

Na atualidade, não se pode ignorar o advento da mulher no mercado formal de trabalho. Ela conquistou um papel de destaque no cenário profissional, revolucionando o quadro da família tradicional, tal qual o marido colabora no orçamento da casa.

Apesar de exercício material, o trabalho, em caráter voluntário e remunerado, também abrange a esfera espiritual. Salomão associa o valor do trabalho ao valor espiritual, ele observa que quem não gosta de trabalhar é carente de entendimento (3.9; 24.30). O comentarista da lição bíblica em foco, destaca o significado do termo "entendimento" em hebraico: "a palavra usada para 'entendimento' é 'leb', significando coração, entendimento e mente. A ideia é mostrar o que há no interior do homem, a espiritualidade (...) Ninguém será menos crente porque trabalha, aliás, é justamente o contrário (Efésios 4.28; 2 Tessalonicenses 3.10)".

Equilíbrio

"A bênção do Senhor é que enriquece e ela não acrescenta dores" - Provérbios 10.22.

A Bíblia condena a inércia e a preguiça. A pessoa preguiçosa é displicente, a displicência e a preguiça atraem pobreza (Provérbios 22.13; 24.30, 34).

Para que a vida atinja seu potencial pleno, o trabalhador deve dividi-la de maneira rítmica entre o trabalho, descanso e lazer. O descanso e o trabalho devem ter espaços de tempo proporcionais, para que o corpo se exercite em mão de obra produtiva e a alma possa contemplar o divertimento e tenha oportunidade de adorar a Deus. Nesta interação o indivíduo, as famílias, toda a sociedade encontram condição para viver bem.

E.A.G.

__________

Compilações:
Ensinador Cristão, 4º trimestre de 2013, página 37, Rio de Janeiro, 4º trimestre de 2013, Rio de Janeiro (CPAD);
Lições Bíblicas - Sabedoria de Deus para uma Vida Vitoriosa, José Gonçalves, lição 3, 4º trimestre de 2013, Rio de Janeiro (CPAD);
Sábios Conselhos para um Viver Vitorioso; José Gonçalves, capítulo 3, Rio de Janeiro (CPAD).______

Falsos obreiros de Cristo

É assustador como existem muitos obreiros que não apresentam o fruto do Espírito na vida deles. Apenas quem produz o fruto é obreiro de Cristo! 

Um amigo comentou: “Meu Deus, como as igrejas estão cheias de obreiros de fachada! Cheio do poder na igreja e cheio de ignorância em casa!” Uma irmã: “bonzinhos na igreja; em família super violentos, a esposa acha que tem que aguentar tudo isso...” 

Desculpem-me ser contundente e bem direto neste assunto: maus maridos e maus pais são falsos obreiros do Senhor. Não considerem o termo “falso” sempre associado com maldade, às vezes ocorre a posse de um falso no lugar de um autêntico por equívoco pessoal e até por erro da pessoa que o empossou ao cargo. 

1 – A exigência bíblica ao obreiro: 

"Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar; não dado ao vinho, não espancador, não cobiçoso de torpe ganância, mas moderado, não contencioso, não avarento; que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com toda a modéstia (porque, se alguém não sabe governar a sua própria casa, terá cuidado da igreja de Deus? )." - 1 Timóteo 3.2-5. 

2 - A responsabilidade espiritual daquele que empossa o falso obreiro: 

“A ninguém imponhas precipitadamente as mãos, nem participes dos pecados alheios; conserva-te a ti mesmo puro.” - 1 Timóteo 5.22.

Os dons do Espírito estão presentes no ministério deles porque Deus tem misericórdia da Igreja. A revelação, o ensino bíblico, as curas... Essas e outras capacitações extraordinárias não são selos de aprovação ministeriais, os dons espirituais visam abençoar aquelas pessoas que vão ao templo adorar ao Senhor com coração sincero. 

E.A.G.

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

O direito que as mães têm para indicar o nome do pai em cartório

Hoje, 17 de outubro de 2013, Dilma Rousseff deve assinar o Projeto de Lei do deputado Rubens Bueno (PPS-PR), que dá às mulheres igualdade de condições aos homens no momento de solicitar expedição da certidão de nascimento em cartórios de todo o Brasil. Até hoje, na ausência do homem a mulher não tem o direito de indicar quem é o pai.  

A lei é bastante polêmica, mas acredito que é bastante necessária. Trata-se de uma desmotivação para aqueles rapazes que vão à balada, encontram uma garota inconsequente, gera com ela uma criança e depois se recusam a ser responsáveis pela nova vida que fizeram juntos.  

A mãe, após um prazo legal de noventa dias (se não me engano o tempo é esse), depois de pedir que o pai cumpra seu dever de assumir a paternidade na certidão de nascimento e crie seu filho com ela, tem a liberdade de nomear ao funcionário do cartório quem é o pai. Termina assim a vergonha de filhos cujas certidões está escrito "pai desconhecido", ou há uma linha em branco em lugar do nome. 

No passado, na ausência do homem a mulher não ter o direito de indicar quem é o pai era compreensível, não havia como comprovar a afirmação. Hoje há o DNA, que o homem tem a possibilidade de usar para se safar de mentiras. Resta saber o que será feito de mães que mentirão sobre quem é o verdadeiro pai. O exame de DNA apontará quem serão as mães tolas, para não usar outras adjetivações mais duras!

E.A.G. 

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Games indutores ao mal

Nas cabecinhas infantis, os pais são o TUDO que elas têm, a qualidade da educação dos genitores determina se as crianças serão o professor ou o marginal futuramente. Bandidos de hoje tiveram pais omissos no passado. Ausentes psicologicamente, ou psicológica e fisicamente. 

É claro que a situação tem outro lado social também, a necessidade de sair para buscar o pão de cada dia e ter que deixar o cuidado dos pequenos com terceiros. Não basta aos pais cuidarem de forrar o estômago dos filhos, é preciso avaliar o que o coração deles está absorvendo. 

Não é suficiente colocar nele a melhor roupa e calçado, além do corpo é preciso vestir sua alma de bom caratismo. A criança não sabe diferenciar entre o certo e o errado, moral e imoral, dever e irresponsabilidade. O que há na cabeça de pais e mães que presenteiam os filhos com jogos em que se matam idosos atropelados? 

E.A.G.

domingo, 6 de outubro de 2013

Advertências contra o adultério

Falar em pecado nos dias atuais está fora de moda. Dizem que o assunto é “coisa” de fanáticos religiosos e ignorantes. Mesmo que seja considerado impopular alertar contra a prática do pecado, a verdade precisa ser dita. 

Devemos lembrar que aquilo que a Escritura considera como pecado jamais terá aprovação divina. Pecado é tudo aquilo que prejudica a vida. Está presente de inúmeras formas em nossa sociedade. Na família, na escola, no trabalho. No Congresso, nas Câmaras Legislativas. Nos jornais, no rádio, no cinema, e de um modo avassalador na televisão e na Internet. 

A sexualidade  

Tudo o que Deus criou é bom e isso inclui a sexualidade. O sexo, em si, nunca foi pecaminoso. Deus o estabeleceu para ser desfrutado no matrimônio antes que o pecado entrasse no mundo. 

Salomão aconselha os homens a se afastarem da imoralidade. No capítulo 5 de Provérbios, escreveu duas perguntas, sobre a importância de ser fiel, com o objetivo de suscitar reflexões em cada leitor das Escrituras Sagradas. “E porque, filho meu, te deixarias atrair por outra mulher, e te abraçarias ao peito de uma estranha?” - Provérbios 5.20. 

Adultério 

Na Bíblia, o adultério é e continuará sendo pecado. Em Êxodo 20.14, o Deus Eterno ordena firmemente: não cometa adultério. Encontramos no Antigo e Novo Testamentos sérias advertências contra a infidelidade conjugal (Deuteronômio 5.14; Romanos 13.9; Gálatas 5.19). 

O adultério viola o padrão santo estabelecido por Deus para o casamento (Êxodo 20.14). Até mesmo o adultério praticado em segredo e mantido no sigilo fica plenamente desmascarado diante do Deus que julga com justiça.

Em Provérbios 5.1-2 somos esclarecidos que o adultério é um grave problema de relacionamento. O adúltero é uma pessoa que tem comportamento confuso, que mistura o certo e o errado, a conduta digna com a indigna. 

Precisamos estar atentos. As consequências da infidelidade são devastadoras. Os lábios da mulher em relação extraconjugal podem parecer destilar favos de mel. Na realidade, aquilo que começa de maneira prazerosa, como doce desejo, não demora a amargar como o absinto (Provérbios 5.4). Quando os instintos do adúltero ficam satisfeitos, sobressai o remorso, o complexo culposo, o medo, a frustração, a consciência que a relação ilícita pode ser tudo menos amor. No momento que o encontro termina, só resta tristeza e amargura. Ponto em comum em tudo isso é uma fome que jamais se aplaca, deixa o indivíduo mais vazio. 

A traição conjugal produz feridas profundas na alma, o esmagamento do cônjuge vitimado, é uma opção destrutiva para toda a família, pois provoca a disfunção familiar. Ela é perigosa, para a Igreja do Senhor e para a sociedade de um modo geral. Causa destruição de reputações, os custos permanentes pesam muitíssimo mais na balança do que a satisfação momentânea. 

Tentação e vigilância 

Todos nós estamos sujeitos a ser tentados. Salomão reconhece os atrativos poderosos e torturantes do adultério, que finge oferecer prazer e satisfação sexuais com poucos riscos.  

O sigilo do pecado escondido, a maquinação para manter o adultério em segredo e a natureza proibida do ato só parece aumentar o seu poder irresistível de atração. 

Na televisão brasileira existe uma sensualidade legal, mas nem por isso deixa de ser imoral. Programas de auditórios são sempre realizados com a presença de modelos seminuas. É considerado legal para a sociedade e até mesmo para o Estado, mas é imoral diante de Deus. O sexo se tornou o deus deste século. Muitos tentam viver a “adrenalina” provocada pela concupiscência de uma forma ilegítima. Escândalos sexuais, práticas sexuais ilícitas ocorrem em escalas geométricas. Vive-se em desejos que transformam pessoas em viciadas em pornografia, masturbação, necessidade excessiva de relações sexuais, pedofilia e outras formas de perversões. 

Quando se perde a reverência a Deus, a insensatez toma conta do coração humano. Não deixe esse tipo de entulho acumular em sua mente. 

A tentação na esfera da virtualidade 

Ao nascer, fomos dotados de instintos específicos, sem os quais nossa sobrevivência seria impossível. O impulso sexual é uma tendência natural que caracteriza a preservação da espécie. Depois da queda de Adão e Eva, o ser humano pecador passou a deturpar esse impulso dado pelo Criador, gerando as muitas complicações que conhecemos nos dias atuais. 

O Pr. José Gonçalves escreveu no livro Sábios Conselhos para um Viver Vitorioso: “Quando me converti ao evangelho nos anos oitenta, o acesso a uma revista masculina era muito difícil para quem era menor de idade. Além da embalagem plástica que protegia o periódico, havia também uma tarjeta onde se lia: ‘proibido para menores de 18 anos’. Com o advento da Internet esse fraco muro de proteção foi implodido e o acesso ao caudaloso rio da pornografia está à disposição das crianças, adultos e idosos. As redes sociais potencializam em muito a possibilidade de alguém se prender nas redes da tentação de casos extraconjugais. Homens e mulheres que estão vivendo alguma desilusão no casamento encontram uma porta aberta para a aventura sexual no Orkut, Facebook e outras redes sociais.” 

E ainda mais: “A Internet pode ser usada tanto para o bem quanto para o mal, dependendo de quem faz uso dela. Não devemos desprezá-la por causa dos possíveis usos equivocados. Não culpamos Gutemberg pelas revistas pornográficas. Será que os automóveis são uma invenção ruim porque algumas pessoas provocam acidentes?” 

Conclusão: alegre-se no casamento 

Muitos casamentos fracassam porque são carentes de afeto e amor. Salomão nos aconselha a vivermos a nossa sexualidade com intensidade, mas dentro do casamento. Provérbios 5.15 trata do relacionamento íntimo entre marido e esposa: “bebe a água da sua cisterna.” Água é símbolo de vida. O ser humano não pode viver sem ela. Assim também é o relacionamento sexual no casamento. Ele é importante e traz vida ao matrimônio. 

Para proteger o seu casamento e torná-lo forte contra as armadilhas e tentações do adultério, o Livro de Provérbios aconselha: “alegra-se com a mulher da tua mocidade” (Provérbios 5.18). É de bom juízo e muita sabedoria alegrar-se pelo que se tem e não ficar se lastimando pelo que se gostaria de ter. Cuide com carinho do seu jardim afetivo. Da fonte cristalina do verdadeiro amor brota a fonte da alegria e da fidelidade.

Provérbios não diz para você manter um relacionamento frio, monótono com a esposa. Diz para você investir em uma vida agradável e plena com ela, divertir-se e desenvolver uma profunda intimidade. Tal investimento fará com que tenham um bom e divertido relacionamento sexual, companheirismo, bom humor, respeito e compreensão. Torna melhor a união. Investir na felicidade a dois é uma das mais poderosas armas de proteção ao seu casamento, faz com que dure satisfatoriamente até a morte.


__________

Compilações:
Bíblia de Estudo Vida, edição 1998, página 985 (Editora Vida);
Bíblia da Família - estudos de Jayme e Judith Kemp, edição 2007, página 556 (Sociedade Bíblica do Brasil);
O Provérbio Nosso de Cada Dia – Oswaldo Alves – 1996 ( Editora Candeias);
Revista Ensinador Cristão, ano 14, nº 56, página 37 (Casa Publicadora das Assembleias de Deus).
Sábios Conselhos para um Viver Vitorioso – José Gonçalves - 1ª edição 2013, CPAD.

sábado, 5 de outubro de 2013

O garotinho vegetariano

Menino se recusa a comer carne. A desenvoltura na exposição de argumentos dele é ímpar.

 

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

A profecia em Daniel 12.4

"E tu, Daniel, fecha estas  palavras e sela este livro, até ao fim do tempo; muitos correrão de uma parte para outra, e a ciência se multiplicará" - Daniel 12.4 (ARC).

Não há dúvida de que o livro, originalmente em hebraico e aramaico, foi escrito por Daniel. O verso 4 do capítulo 12 declara a autoria explicitamente; o capítulo 7 possui muitas referências autobiográficas; e Jesus Cristo ao citar a passagem de 9.27 atribuiu a autoria ao profeta (Mateus 9.27). Com o passar dos anos, o livro jamais deixou de despertar interesse e provocar controvérsias nos círculos teológicos. Causou admiração com os relatos de heroísmo num período de perigo iminente. Trouxe consolação com os relatos da presença do Senhor na vida de Daniel e seus amigos.

Daniel, cujo nome significa "Deus é meu juiz", era descendente do rei Ezequias (2 Reis 20.17-18; Isaías 39.6-7). Foi contemporâneo de Jeremias, Ezequiel, Josué, o sumo sacerdote da restauração, Esdras e Zorobabel.

Estava na fase adolescente durante a invasão de Jerusalém e a primeira deportação de Judá nos tempos de Nabucodonosor, e junto com seu povo foi capturado e levado cativo à Babilônia, a superpotência mundial daquela época, o século IV a.C. Por ser de família proeminente, da classe alta de Jerusalém, possuir boa aparência e ter uma mente privilegiada, Nabucodonosor o escolheu para estar em sua corte real, sendo aproveitado em todo seu potencial num programa para funcionários civis de primeiro nível, onde se destacou entre os sábios por sua integridade de caráter, intervenções divinas em sua vida e operações de dons proféticos.

Segundo uma larga escala de estudiosos, o livro foi escrito entre 536 e 530 a.C., pouco depois de Ciro conquistar a Babilônia. Provavelmente, durante a narrativa do capítulo 1 ele ainda Daniel ainda era um jovem,, e durante os capítulos 9 ao 12 já havia alcançado seus 80 anos de idade.

Ao ler o livro, o leitor se depara com elementos profético futuristas, assuntos de vital importância para a Igreja atual: a apostasia do povo de Deus; a revelação do homem do pecado; a tribulação; a segunda vinda de Cristo; o milênio; o dia do juízo final. Encontra-se interpretação da história, que já teve seu cumprimento em sua maior parte, e outras que será totalmente cumprida. Tudo isso tendo como linha de raciocínio lógico a soberania do Senhor sobre tudo e todos: "Deus, o Altíssimo, tem domínio sobre os reinos dos homens, e a quem quer constitui sobre eles" - Daniel 5.29 d.

Daniel, homem de origem estrangeira e êxito político na Babilônia - foi primeiro ministro, o principal dos três oficiais mais importantes do Império Medo-Persa -, é um personagem de grande valor pessoal, cuja vida se mescla nas conturbações da história, foi pessoa refugiada, cativa, na maior parte dos anos que viveu. Não temos informação que tenha se casado e nem que tivesse membros de sua família perto dele. Teve uma vida longa, que se estendeu desde os governos de Nabucodonosor até Ciro. Seu testemunho de vida é singular: no ambiente corrompido de uma corte oriental, escolheu viver uma vida de grande proveito e piedade.

Daniel é o profeta do "tempo dos gentios" (Lucas 21.24). Suas visões percorrem todo o curso do governo mundial dos gentios até seu catastrófico fim e o estabelecimento do reino do Messias. O tempo do fim começa com "o príncipe que há de vir": o homem do pecado, a besta. A duração do "fim do tempo" é de três anos e meio, coincidindo com a septuagésima semana de Daniel (7.25; 12.7;  Apocalipse 13.5). Esse período é descrito por Jesus como "grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco há de haver" (Mateus 24.21).

O livro de Daniel é uma introdução indispensável às profecias encontradas no Novo Testamento. Na passagem de 12.4, Daniel recebe a ordem de selar o livro. As profecias que ele recebeu não são para os dias dele, mas para o tempo do fim, profecias escritas para despertar os que viverem no fim dos tempos. A expressão "fim do tempo", ou equivalentes, aparece em 8.17-19; 9.26; 11.35, 40, 45; 12.6, 9.

E..A..G.

Veja mais a respeito da profecia de Daniel 12.4: Influências dos meios de comunicação
__________

Compilações:
Bíblia de Estudo Scofield,  edição 2009 (Holy Bible - Bom Pastor), 
Bíblia de Estudo Pentecostal, edição 1996, impressa nos Estados Unidos (CPAD).
Bíblia Sheed, edição 2011, Barueri - SP (Edições Vida Nova).

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Influências dos meios de comunicação

"O avisado vê o mal e esconde-se, mas os simples passam e sofrem a pena" - Provérbios 22.3.

Ao longo dos anos, os meios de comunicação humana evoluíram em cumprimento da profecia de Daniel: "E tu, Daniel, encerra estas palavras e sela este livro, até ao fim do tempo; muitos correrão de uma parte para outra, e o conhecimento se multiplicará" - Daniel 12.4.

Houve no século XX a grande revolução nos meios de comunicação. Para quem é jovem, é difícil imaginar que o mundo já foi permeado pela lentidão de informações. Antes do século XX não havia tecnologia. Naquela época, uma informação da Europa ao Brasil demorava cerca de quatro meses. Havia poucas estradas e as existentes eram de difíceis acessos; o transporte era feito demoradamente por animais e embarcações.  Com o passar dos anos, aumentou a velocidade das informações, surgiram muitas invenções no âmbito da comunicação, como a imprensa, o telégrafo, o rádio, a televisão, o telefone, a internet e os satélites artificiais. Hoje, um fato que ocorra em qualquer parte do mundo pode ser visto em tempo real em muitas outras partes do planeta, a redução do tempo entre um acontecimento e seu relato, entre uma descoberta e sua divulgação chega até nós via internet em fração de segundos. Foram construídas rodovias asfaltadas e os acessos para elas é mais fácil do que no passado.

Podemos afirmar que nossos antepassados, que viveram sem avião, automóvel, televisão, celular e internet, viveram melhor do que nós? Não. É preciso compreender que o risco dos meios de comunicação não estão em si mesmos, mas no uso sem critérios e excessivo que se faz deles. 

Tudo o que vemos, sentimos, fazemos, corre risco de sofrer influências.  Os princípios morais e éticos estão sendo atacados, para que a família perca o seu papel de agente educador (1 Timóteo 4.1-3). Através da comunicação, o reino das trevas cria programações inconvenientes e prejudiciais com o objetivo de enganar as pessoas e afastá-las de Deus. A estrutura de produção de comunicação tem poder influenciador na sociedade em que estamos inseridos, causa uma mudança radical. 

Precisamos compreender que necessitamos ter alguns cuidados com a mídia, o uso excessivo e sem critérios pode trazer muitos malefícios para a nossa vida espiritual, emocional e física. Os veículos de comunicação são instrumentos que por si só não deveriam prejudicar a quem os utiliza. Mas, não é raro perceber que seus controladores muitas vezes são manipuladores e maliciosos. Como ouvintes e telespectadores, devemos ser cuidadosos com seus efeitos, para que a nossa vida espiritual não seja afetada pelas intenções malignas que tais meios propagam.

O desenvolvimento tecnológico dos meios de comunicação social trouxe nova dinâmica às relações humanas, causando interferência no modo de pensar e agir das pessoas. Pesquisas mostram que o jovem brasileiro passa muito tempo diante do televisor e da internet, apontam também que a exposição excessiva pode causar prejuízos à saúde física e mental.  Satanás tem se apoderado desses meios para iludir as pessoas. A cada dia somos bombardeados em nossos lares, nas escolas, no ambiente de trabalho e até nas ruas com mensagens em outdoors, filmes, novelas, publicidades, etc, com objetivo de provocar alterações mudanças profundas e irreversíveis em nosso comportamento. 

A comunicação tem poder descomunal de transporte de informação e imposição de conduta. Todo cristão precisa ser vigilante e saber onde quer chegar: o céu. Deve reconhecer o perigo de se deixar influenciar negativamente pelo mau uso e.estabelecer a Palavra de Deus como único meio de orientação seguro para sua vida.

Todas as coisas são lícitas, mas nem tudo é proveitoso e edificante (1 Corintios 10.23; 16.12). Podemos interagir com a mídia, mas sempre usando prudência e discriminação. Desfrutar dela seletivamente.

A boa qualidade da caminhada cristã depende de um bom preparo. Esta preparação é fundamentada no hábito da oração e estudo da Palavra de Deus. A Bíblia Sagrada é completa, nas páginas bíblicas é possível encontrar respostas para todos os questionamentos e soluções para os mais diversos problemas. Encontramos alertas sobre temas atuais, como por exemplo os cuidados que todos precisamos ter sobre os meios de comunicação. Conhecendo a Palavra de Deus aprendemos a nos defender da ação do inimigo. 

O cristão que reserva tempo para orar e ler a Bíblia torna-se maduro, firme, equilibrado, pois seus passos são fundamentados na Palavra de Deus, que abre caminhos como a água que segue seu curso até o ponto ideal, sempre oferece orientações sobre as questões que cercam a vida, tornam o leitor capaz de enfrentar este mundo hostil aos que professam fé em Cristo.

A intensa atividade na área de transporte educação e comunicação de massa quase instantânea, dinamizam as relações humanas, inclusive para a propagação do evangelho. Usemos a tecnologia para divulgar a Palavra de Deus.

E.A.G.

Veja mais: A profecia em Daniel 12.4

Compilações em:
Lições Bíblicas - Juvenís, Lição 1, 3º trimestre de 2013 (CPAD);
Revista Ensinador Cristão, ano 14, nº 56, página 35, 3º trimestre de 2013, (CPAD).

Petistas no Photoshop (montagem de FHC em Lula)

Olhem isso. Fidel Castro, Hugo Chávez e Fernando Henrique Cardoso celebrando algo juntos na mesma festa?

Uma "denúncia" encontrada no Facebook. O usuário Pablo Nunes mostra essa foto, que denomina de montagem escrota. Afirma que fizeram uso do programa Photoshop, que a imagem está circulando pela Internet e que recortaram a cabeça do Lula e colaram a do FHC no lugar. Pablo ironiza: "Eu não sabia que em Fernando Henrique também faltava um dedo na mão esquerda".


A manipulação parece ter ocorrido nas mãos. Veja outras fotos da ocasião: aqui.

Atualização: 19h26.

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

O que é o mercado gospel para mim?

Por Eliseu Antonio Gomes

Uma pessoa amiga pediu minha opinião sobre o mercado gospel - termo costumeiramente usado pejorativamente. O que opinei se consiste nas linhas abaixo: 

Primeiro, o óbvio e ululante: vivemos em um país capitalista. Nada se faz sem que haja dinheiro envolvido. Saia de casa e terá que desembolsar algum valor em dinheiro para o combustível do carro, a vaga de estacionamento dele, a comida do restaurante, a opção de lazer. Até para louvar ao Senhor é preciso colocar a mão no bolso: é necessário colaborar com a manutenção do templo e projetos evangelísticos e missionários, não se adquire Bíblia gratuitamente – mesmo que não tenha custado nada o exemplar que você usa, algum coração bondoso pagou por ele.  

O que vem a ser o mercado gospel? 

Para a pessoa desigrejada, aquelas que são avessas às instituições eclesiásticas, todas as denominações evangélicas fazem parte do “condenável mundo gospel". Elas desconsideram o pastor e seu salário cuja origem são os dízimos e ofertas; deploram os cultos semanais em templos, dizendo que é ambiente de manipulação. Além disso, colocam “no mesmo saco” quem cante e grave CDs e DVDs com temáticas bíblicas. 

Ao frequentador de igrejas reformadas, o mercado gospel é composto por crentes pentecostais e neopentecostais. Dizem que é baboseira o falar em línguas e chama de circo os cultos fervorosos. Detestam como são realizadas a solicitação de ofertas durante o culto e qualquer solicitação de dinheiro publicamente, como nos casos de ajuda de custo para projetos de programas de televisão e rádio. 

O posicionamento de crentes pentecostais é parecido com o de crentes reformados, é claro que tirando o foco de si mesmos e lançando-o sobre os neopentecostais. Eles não consideram os “neos” cristãos completos. Há quem até se aventure a lançar deboches de seus métodos de culto referente ofertas e dízimos, escarnecem daquelas pessoas que lançam CDs e DVDs.  

Para os “neos”, o que é mercado gospel? Já ouvi alguns deles dizer que gospel é uma palavrinha inglesa, cuja equivalente em português é “evangelho”. Acho curioso como eles são tão criticados e criticam pouco seus críticos. 

Bem, para mim o mercado gospel é um conjunto de coisas e pessoas - independente de pertencer às alas reformada, pentecostal ou neopentecostal. Aquele pregador e cantor que cobra para pregar, aquela cantora que também só se apresenta se pagarem o valor cobrado. A indústria de Bíblias de Estudos (já reparou como as prateleiras de lojas estão saturadas delas, e as editoras não param de lançar novidades? O cânon bíblico não basta mais?). Os CDs e DVDs de pregações e canções. 

O mercado gospel não escapa da Lei de Oferta e Procura. Por que será que Bíblias de editoras católicas são tão mais baratas do que as de editoras ditas evangélicas. A qualidade industrial é a mesma, mas o preço é exorbitantemente diferente. 

Minha opinião é que precisamos analisar o que é vendido e comprar apenas aquilo que sirva para a nossa edificação. Tomar cuidado com críticas, porque nem todas elas visam o interesse coletivo, muitas não passam de defesa de causas próprias usando o disfarce de atuação apologética. 

Existem duas forças coordenadas envolvidas no mercado gospel. Não existiriam pregadores e cantores cobrando sem a existência de quem se dispusesse a pagar. Seja no interior de templos ou eventos fora dele, existe o financiador, a pessoa física pagante. Não existiriam projetos para novas Bíblias de Estudo, novos livros, novos CDs e DVDs sem compradores ávidos pelos lançamentos desses produtos. 

Aliás, falando em apologia, alguns anos atrás determinado alguém vendia livros e fazia muitas palestras usando um tema contrário ao movimento Teologia da Prosperidade. O preço do livro e o bilhete de entrada nas palestras dele não estavam ao alcance do pobre assalariado com salário mínimo. Tristes contradições do mercado gospel brasileiro! 

Propositalmente, o conteúdo deste meu comentário não entrou pela questão teológica e doutrinária, não teci uma linha pró ou contra movimentos e costumes. Então, alguém poderá pensar se a pessoa que fez a pergunta para mim queria saber se o mercado gospel é edificante ou nocivo para a fé dela e dos que dele se utilizam. Não fico encima do muro. Respondo da seguinte forma: existe uma charge compartilhada o Facebook muito perspicaz, contém duas figuras, uma diz: "não gostei do culto", a outra responde: "mas o culto não foi realizado para você, foi para Deus". O louvor (cantado ou em outras formas) é bem isso. O Senhor observa cada coração, e recebe a música ou outras tarefas que são dirigida a Ele, e recebe como louvor apenas aqueles que são ministrados com devoção sincera. 

E.A.G.

Primavera: flores e chuvas

Choveu na região aonde moro durante a noite. Sem chuvas, sem resfriamento do planeta. Deus é sábio, está no controle da temperatura, apesar das muitas intervenções erradas do homem no ecossistema.

Na Capital de São Paulo, em algumas regiões chover é sinônimo de problemas. Trânsito lento, alagamentos. Um amigo comentou: "O dia amanheceu com tempo bem úmido, temperatura por volta dos 15º e chuva leve, é bom para quem fica em casa ou trabalha perto como eu, mesmo assim, agradecemos a Deus por tudo. Faça frio ou calor a graça do Senhor nos basta".

Agora, às 7h28, não chove mais. A expectativa é que as horas transcorram bem e se desdobrem fazendo com que hoje seja mais uma ótima quarta feira abençoada por Deus. Para mim, para a família e amigos, para todos. Que todos possamos aproveitar bem o dia, tranquilamente. A tranquilidade é uma situação em que devemos levantar as mãos ao céu e agradecer a Deus com alegria.

E.A.G.

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.