Research | Pesquisar artigos de Belverede

Select the language

domingo, 20 de setembro de 2009

LUCAS 12.15 - O COMENTÁRIO DE MORRIS CERULLO SOBRE A PARÁBOLA DO RICO INSENSATO NA BÍBLIA BATALHA ESPIRITUAL E VITÓRIA FINANCEIRA

É incrível como chegam a mim diversos críticos, criticando a Bíblia Batalha Espiritual e Vitória Financeira sem a conhecê-la. Ontem recebi uma por e-mail, que dizia assim: Por certo o versículo de Lucas 12.15 não faz parte da Bíblia Batalha Espiritual e Vitória Financeira, do Silas”.

Eu respondi ao preconceituoso: releia os versículos que citou para mim, condenando a prosperidade (1ª Timóteo 6.7-8; Hebreus 13.5). Eles condenam ser rico ou bilionário ou condenam amar o dinheiro? Condenam o amor ao dinheiro.

Lucas 12.15 está comentado na Bíblia Batalha Espiritual e Vitória Financeira, amigo. É um texto bem comprido. Colocarei alguns trechos para você ler, assim poderá comentar sobre a bíblia de estudo com algum conhecimento dela.

Eis alguns trechos:

"Jesus nos adverte a vigiar, a ficar de guarda contra a avareza, que é o desejo avarento de possuir cada vez mais bens. E essa advertência não é apenas para os que têm abundância de riquezas terrenas; elas também se aplica aos que têm pouco".

"Um dos sinais dos últimos dias é o espírito de ganância. Paulo revela a Timóteo: "Saiba disto: nos últimos dias sobrevirão tempos terríveis. Os homens serão egoístas, avarentos..." (2ª Timóteo 3.1,2)".

"Na parábola, o jovem rico tinha abundância de recursos. E obteve uma colheita tão grande que não tinha onde armazená-la. Os celeiros já estavam cheios com o que havia conseguido em colheitas anteriores. No entanto, em vez de reconhecer a Deus como a Fonte de suas bênçãos, sem se dar conta de que tudo que possuía pertencia de fato a Deus, e que Ele apenas o colocara como mordomo daqueles recursos, o homem tolamente declarou: Não tenho onde armazenar a MINHA colheita... Vou derrubar os MEUS celeiros e construir outros maiores, e ali guardarei toda a MINHA safra e todos os MEUS bens".

“O homem rico da parábola pretendia empregar os recursos de que dispunha (...) de maneira tola, gastando-os como bem desejasse... Apegou-se a eles de maneira egoísta..."

"Aos construir celeiros maiores e estocar em abundância de recursos, o homem rico depositava sua confiança nas riquezas... Esse é o mesmo perigo que muitos cristãos correm, hoje em dia. Acumulam para si dinheiros e posses terrenas, pensando estar seguros e que nunca terão necessidades, deixam de confiar em Deus e em sua provisão diária e passam a confiar nos próprios recursos."

"Independente dos recursos que Deus tenha colocado em suas mãos, sejam muitos, sejam poucos, você deve proteger-se da ganância. (...) Não acumule tesouros nem use o que Deus lhe deu apenas para satisfazer a si mesmo e atender aos desejos da carne".

"Por este motivo, devemos mudar o nosso coração agora mesmo e determinar se confiaremos em nossos recursos ou em Deus, que tem provisão para todas as coisas. Se você estiver confiando nas riquezas, peça ao Senhor que o perdoe..."

Bíblia Batalha Espiritual e Vitória Financeira, 1ª edição, página 1304.


Na BBEVF é proibida a reprodução de textos por qualquer meios, salvo em breves citações, com indicações da fontes bibliográficas. É o caso deste artigo.


E.A.G.


Um comentário:

Elizeu Rodrigues dos Santos disse...

Sabe, Xará, não entendo como nós, assembleianos pentecostais radicais-tradicionais (exclua-me) somos tão segos as verdades que Jesus fala. Existem vários comentários em minha bíblia de estudos pentecostal (BEP) que acho, acho não, estou convicto, que são ensinos meramente humanos, como na época de Cristo. Citarei uma nota aos céticos à Central Gospel:

NOTA, pg 1723-Romanos 13.8 A NINGUÉM DEVAIS COISA ALGUMA. [...] Isso não significa que é proibido tomar emprestado do próximo, em caso de necessidade grave(cf.Ex 22.25; Sl 37.26; Mt 5.42; Lc 6.35). Por outro lado...

Vejam que a nota da BEP que pertence à CPAD coloca palavras na boca de Jesus, dizendo que eu posso pedir emprestado. Jesus não fala isso. Fala que eu jamais devo me "desviar daquele que quer tomar emprestado de mim (Mt 5.42)", não que eu devo ir buscar algo emprestado de meu próximo. Nem em êxodo, muito menos no Salmo 37 somos convidados a tomar emprestado. Temos sim é que, por ser filhos do Rei, emprestar.

Esta é apenas uma, entre mais de 100 notas que são a visão do pr Donald, não a visão panorâmica do Evangelho de Cristo.

Fica na paz, amigo amado

Elizeu

As 7 postagens mais acessadas na semana

As 7 postagens mais acessadas nos últimos 30 dias

As 7 postagens mais populares (geral - desde 12 de junho de 2007)

▲ Clique na imagem para retornar ao topo do blog.

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes

Bola colorida na areia da praia. By Eliseu Antonio Gomes
Cidade Ocean - Praia Grande - São Paulo/SP - Brasil.